Logo Mais Retorno
Bolsa fundo feeder
Renda Variável

Chance de ‘repique’ na Bolsa no curto prazo é cada vez maior, dizem analistas

Para a Guide, boa parte da elevação dos juros prevista pelo Fed já foi precificada pelo mercado

Data de publicação:28/04/2022 às 03:21 -
Atualizado 5 meses atrás
Compartilhe:

A possibilidade de um aperto monetário mais agressivo por parte do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) tem deixado os mercados em estado de atenção. Para os especialistas da Guide Investimentos, porém, boa parte da elevação prevista nos Fed Funds nos próximos meses já foi precificada pelo mercado local, incluindo a Bolsa, e incorporada aos preços.

Em relatório sobre a análise da Bolsa em meio a alta de juros americanos, a casa de análises acredita que, baseado em indicadores, a chance de repique (movimento de alta, usualmente de curta duração, que ocorre durante o processo de baixa de preços) na B3 no curto prazo é cada vez mais provável.

bolsa
Bolsa deve bater os 130 mil pontos ainda este ano, segundo a Guide - Foto: B3/Divulgação

“O Ibovespa, principal índice da Bolsa, voltou para a faixa dos 110 mil pontos e o IFR (Índice de Força Relativa) já está perto de 30, considerada ‘sobrevendida', na qual a chance de um repique é elevada. Além disso a taxa de juros de 10 anos nos EUA está perto de 3%, nível atingido em outros momentos recentes de aperto monetário no país”.

Guide Investimentos, em relatório

Para os analistas da casa, uma alta mais consistente dos mercados “depende de sinais claros de desaceleração na inflação, o que deve acontecer em breve no Brasil, e mais tarde nos Estados Unidos”.

Aumento da taxa de juros nos EUA

As taxas de juros nos Estados Unidos aumentaram substancialmente nos últimos meses – em particular as de curto prazo, como um e dois anos.

De acordo com a Guide, isso se deve à expectativa de aumento de juros nos EUA, que foi confirmada na reunião de março, quando o Fed aumentou a taxa básica entre 0,0% e 0,25% para o intervalo de 0,25% a 0,50%. E pode vir aumento de 0,50% na próxima reunião de maio do Fomc.

Desde então, o aumento acentuado da inflação levou o mercado a precificar uma aceleração do ritmo de aumento dos juros.

Para os especialistas, o impacto disso foi negativo para o mercado, “mas parece que a maior parte do ajuste nas projeções já foi feito, o que explica nossa visão de que um repique no curto prazo é cada vez mais provável”.

Commodities e inflação

Outro ponto relevante apontado pela casa de análises que contribui para a tese de repique da Bolsa é o arrefecimento do preço das commodities nos últimos dias, tanto em função do lockdown na China como em função das expectativas de desaceleração da economia americana após o aumento de juros, o que tende a reduzir a inflação. No Brasil, a inflação já dá sinais de arrefecimento.

“A inflação medida pelo IGP-M está diminuindo há alguns meses e a apreciação recente do real deve contribuir para manter a tendência de queda do indicador. Só para ilustrar este ponto, o preço dos combustíveis também deve ter queda nos próximos dias em função da queda do preço dos produtos no mercado internacional. Há uma correlação clara entre preço de commodities e inflação no Brasil”.

Guide, em documento

Já no mercado internacional, incluindo os Estados Unidos, a inflação segue avançando, atingindo o maior patamar dos últimos 40 anos. Porém, a desaceleração dos preços das commodities é considerado um indicador antecedente de uma desaceleração da inflação.

“Acreditamos que uma melhora mais duradoura dos mercados depende destes sinais de desaceleração da inflação, tanto nos EUA como em outros países desenvolvidos”.

Guide Investimentos

Ibovespa a 130 mil pontos e aposta nas small caps

Com esse cenário, a Guide mantém seu target de 130 mil pontos para o Ibovespa ao final de 2022. Em termos de ativos da Bolsa, as preferências dos analistas da casa estão voltadas para nomes ligados à economia brasileira, como companhias atreladas ao varejo – incluindo companhias como Grupo Soma e Vivara – empresas de transporte, como é o caso da Movida, e administradoras de shoppings, como a Multiplan.

“Acreditamos que, no curtíssimo prazo, os produtores de commodities como Vale e Usiminas podem ter uma alta mais forte, pois foram os nomes que mais sofreram na correção recente”, conclui.

Leia mais

Criptoativos: regulação deve atrair mais investidor a esse mercado (maisretorno.com)
Como comprar e investir em NFT sem cair em 'furadas' | Mais Retorno
Emmanuel Macron: reeleição e o futuro do euro, custe o que custar (maisretorno.com)

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

Inscreva-se em nossa newsletter