Logo Mais Retorno
balanços das empresas
Economia

Vendas no varejo registram queda de 0,8% em julho, segundo IBGE; em 12 meses, baixa é de 1,8%

As vendas do varejo restrito acumularam crescimento de 0,4% no ano

Data de publicação:14/09/2022 às 10:26 -
Atualizado 3 meses atrás
Compartilhe:

As vendas no varejo caíram 0,8% em julho ante junho, na série com ajuste sazonal, informou nesta quarta-feira, 14, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado contrariou a mediana das estimativas do mercado financeiro, positiva de 0,2%, segundo levantamento do Projeções Broadcast. O intervalo ia de queda de 1,0% a alta de 2,2%.

Na comparação com julho de 2021, sem ajuste sazonal, as vendas do varejo tiveram baixa de 5,2% em julho de 2022. Nesse confronto, as projeções iam de uma queda de 5,8% a alta de 3,9%, com mediana negativa em 3,0%.

vendas no varejo
Comércio varejista frustrou expectativas de analistas em julho | Foto: Envato

As vendas do varejo restrito acumularam crescimento de 0,4% no ano, que tem como base de comparação o mesmo período do ano anterior. Em 12 meses, houve queda de 1,8%.

Vendas no varejo ampliado

Quanto ao varejo ampliado, que inclui as atividades de material de construção e de veículos, as vendas caíram 0,7% em julho ante junho, na série com ajuste sazonal. O resultado também contrariou a mediana de alta de 0,2% das previsões, num intervalo que ia de queda de 0,9% a avanço de 2,1.

Na comparação com julho de 2021, sem ajuste, as vendas do varejo ampliado tiveram baixa de 6,8% em julho de 2022. Nesse confronto, as projeções variavam de uma redução de 7,2% a expansão de 0,8%, com mediana negativa de 5,0%.

As vendas do comércio varejista ampliado acumularam queda de 0,8% no ano e redução de 1,9% em 12 meses.

Média móvel trimestral e revisões

De acordo com o IBGE, o índice de média móvel trimestral das vendas do comércio varejista restrito teve queda de 0,9% em julho. No varejo ampliado, por sua vez, o índice de média móvel trimestral das vendas registrou redução de 0,9% em julho.

O IBGE revisou, ainda, o resultado das vendas no varejo em maio ante abril, de um recuo de 0,4% para uma queda de 0,5%. A taxa de junho ante maio não foi revista, permaneceu em queda de 1,4%. No varejo ampliado, a taxa de junho ante maio passou de redução de 2,3% para queda de 2,5%. / Agência Estado

Leia mais

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

Inscreva-se em nossa newsletter

,