Logo Mais Retorno
Empresa

Pátria PIPE: Fundo Feeder tem retorno positivo em novembro, mas empresas menores sofrem com os juros

As empresas que mais contribuíram para o bom resultado foram Unidas e Ultrapar

Data de publicação:10/12/2021 às 07:00 -
Atualizado 5 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

Em um mês marcado pela descoberta de uma nova variante do coronavírus, a ômicron, e pela deterioração do cenário macroeconômico brasileiro, o que levou a uma abertura da curva de juros, ações de diversos setores da Bolsa de Valores foram impactadas e apresentaram rentabilidade negativa. O Fundo Feeder (Patria Pipe Feeder Private FIC FIA), do Pátria PIPE, no entanto, viu seu portfólio avançar em novembro.

De acordo com a o relatório mensal de desempenho apresentado pela gestora, o ativo apresentou uma valorização de 1,7% no último mês, puxado, sobretudo, pelas suas posições nas ações da Unidas, empresa de aluguel de veículos, e a distribuidora de combustíveis Ultrapar. Enquanto isso, o Ibovespa, principal índice da B3, recuou 1,5% no mesmo período.

juros fundo feeder
Aumento nos juros impacta as empresas

As maiores altas e baixas do Fundo Feeder em novembro

EmpresaCódigoSegmentoVariação
mensal
UnidasLCAM3Locação de veículos+17%
UltraparUGPA3Distribuição de combustíveis+11%
AlperAPER3Seguradora-19%
CVCCVCB3Turismo-15%
Fonte: Pátria PIPE

Impactos da curva de juros no mercado

Embora o rendimento do Fundo Feeder tenha sido positivo em novembro, a gestora destaca que o mês foi um período difícil para diversos papéis. "O mercado em geral, especialmente as ações de empresas de médio e pequeno porte, foram fortemente impactadas pela rápida e aguda alta da curva de juros futuros, que causou um efeito relevante no valor presente dos fluxos de caixa pela alta da taxa de desconto", explica o Pátria PIPE.

"Com uma maior taxa de desconto, o retorno esperado das ações tem que subir para justificar o prêmio sobre a renda fixa de longo prazo, e para que este ajuste ocorra, não havendo mudanças relevantes nos fluxos de caixa futuros esperados, isto se dá pela queda dos preços".

Pátria PIPE, em relatório

Outro ponto levantado pela gestora foi a importância da dinâmica de liquidez para a formação de preços nos ativos brasileiro. De acordo com o relatório, as ações menos líquidas foram as mais penalizadas, em um cenário onde os investidores tinham maior aversão ao risco, tanto em decorrência das indefinições sobre os rumos dos cenários fiscal, político e econômico, quanto pelo novo avanço da pandemia de covid-19 pelo mundo e a descoberta da ômicron.

Neste contexto, a instituição ressalta que, além da redução de risco em suas carteiras de investimento, muitos investidores passaram, também, a migrar para ativos mais líquidos, a fim de "fazer frente a necessidade de liquidez".

As maiores posições do portfólio do Fundo Feeder

O Pátria PIPE destaca, em seu relatório mensal, que todas as companhias de sua carteira de investimentos divulgaram seus balanços trimestrais em novembro. A gestora pontuou, também, os principais desafios e evoluções apresentados pelas três empresas com as maiores posições no portfólio do Fundo Feeder em seus resultados do terceiro trimestre.

Unidas

No acumulado de 12 meses até aqui, a Unidas registrou uma alta de 205% no seu lucro líquido, chegando a R$ 939,3 milhões no terceiro trimestre de 2021. A gestora ressalta que a companhia apresentou "recordes em todas as frentes de negócio, impulsionado, principalmente, pelos segmentos de Aluguel de Carros (RAC) e Terceirização de Frotas, que capturaram a demanda crescente no setor de locação de veículos".

Outro destaque nos resultados da locadora de veículos, no entanto, ficou por conta da venda de veículos seminovos. O Pátria comenta que, entre julho e setembro, a Unidos reportou um Preço média de Venda de R$ 58,8 mil por veículo, valor esse que foi recorde para a companhia. Esse segmento "continua sendo beneficiado pela forte demanda por carros seminovos em virtude dos contínuos aumentos de preço do carro 0km apresentados até agora em 2021", afirma o relatório.

Tenda

Para a gestora "mesmo em um cenário volátil e desafiador, a Tenda apresentou importantes avanços operacionais no terceiro trimestre". No período, a empresa registrou um volume de vendas brutas de R$ 926 milhões, uma valorização de 11% na comparação anual.

"A pressão dos insumos tem impactado as empresas do setor de construção, especialmente para a baixa renda, fazendo com que concorrentes se afastem cada vez mais do segmento e permitindo à Tenda melhor posição competitiva".

Pátria PIPE, em relatório

Em contrapartida, a gestora pontua que a Tenda vem sendo impactada negativamente com revisões orçamentárias que afetaram a margem bruta do trimestre, sobretudo a margem das vendas antigas.

CVC

Embora os últimos dias de novembro tenham castigado as empresas do setor de aviação e turismo por conta da descoberta da ômicron e as incertezas quanto às novas medidas para conter a doença, a CVC continua sendo bem avaliada pelo Pátria PIPE por conta de seus bons números no balanço trimestral.

Em relação ao segundo trimestre, a receita líquida da companhia avançou 99% entre julho e setembro, enquanto as reservas totais subiram 86,5% e as reservas confirmadas, 74,6%. A gestora explica, ainda que o turismo doméstico voltou a apresentar um volume de vendas similar ao período pré-pandemia.

"O trimestre foi de evoluções bastante positivas para a CVC e para o setor de turismo de forma geral, que apresentou evoluções nas vendas e embarques de viagens domésticas, bem como no anúncio de menores restrições a entrada em países com forte potencial turístico, que começam a registrar forte aumento do interesse por parte dos viajantes", finaliza.

Sobre o autor
Bruna Miato
Repórter na Mais Retorno