Logo Mais Retorno
Renda Variável

ETFs de petróleo e trigo estão entre os ativos internacionais mais negociados pelos brasileiros em março

Já entre as ações, o destaque ficou por conta das big techs e meme stocks

Data de publicação:12/04/2022 às 00:30 -
Atualizado um mês atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

Durante o mês de março, os investidores voltaram sua atenção para ativos internacionais ligados a commodities, como ETFs atrelados ao trigo e petróleo, segundo levantamento da Stake.

Os dois produtos foram os mais impactados pela guerra entre Rússia e Ucrânia. Desde o início do confronto, o preço do trigo subiu mais de 50% na bolsa de Chicago, nos Estados Unidos. No início de março, bateu o recorde histórico de US$ 12,94 por bushel, marca que superou a cotação do mesmo mês em 2008, quando chegou a US$ 12,83.

ETFs de petróleo e trigo estão entre os ativos internacionais mais negociados pelos brasileiros em março
Rodrigo Lima, analista da Stake: ETFs são boas opções para investir nos mercados de trigo e petróleo com risco menor - Foto: Divulgação

Segundo a Stake, esse movimento levou a uma forte elevação nas negociações do WEAT, ETF atrelado ao trigo. Vale destacar que a Rússia é a maior exportadora mundial de trigo e a Ucrânia ocupa a quarta posição. Juntos, os dois países respondem por cerca de 30% de todo o produto que é enviado para outras regiões do mundo.

Mês volátil para o petróleo

O petróleo também sentiu os reflexos do conflito entre os dois países, o que motivou um alto volume de negociações do DRIP, ETF internacional que aposta na queda do petróleo com alavancagem de 2x.

Poucas semanas após o início da guerra, o petróleo já tinha valorizado cerca de 60%, com o barril do tipo Brent passando dos US$ 130. Com o conflito ainda sem um horizonte para terminar, o mercado já aposta em um patamar ainda mais elevado para a commodity, que tem a Rússia como sua principal exportadora.,

Especialistas do JPMorgan avaliam que se as interrupções no petróleo russo durarem “ao longo do ano”, o barril poderá subir para US$185.

Os ETFs que despontaram no ranking da Stake podem ser boas opções para investidores que desejam apostar na alta ou na baixa das commodities sem ter que se expor diretamente a derivativos complexos como, por exemplo, os contratos futuros.

Rodrigo Lima, analista da Stake

Semicondutores: problemas continuam

O ETF SOXS, fundo atrelado ao setor de semicondutores com alavancagem de 3x, se manteve por mais um mês na lista dos fundos de índice internacionais mais negociados pelos brasileiros na plataforma da Stake.

De acordo com Lima, o problema de desequilíbrio entre oferta e demanda, além das questões logísticas, seguem impactando o setor, que deve ter uma queda mais acentuada nos próximos meses.

“Por conta da pandemia, o mundo já estava enfrentando um problema de desequilíbrio entre oferta e demanda dos semicomponentes, além de entraves logísticos que estão sendo agravados com a guerra da Rússia, que reduziu o tráfego de navios no Mar Negro”, aponta.

Os ETFs internacionais mais negociados em março de 2022

ColocaçãoETFTickerSetor
ProShares UltraPro QQQ TQQQ Tecnologia
ProShares Ultra VIX Short-Term Futures UVXYÍndice do Medo
Vanguard S&P 500 VOOS&P 500
SPDR S&P 500 Trust SPYS&P 500
Invesco QQQ QQQTecnologia
Direxion Daily Semiconductor 3x Bear Shares SOXSSemicondutores
Vanguard Total Stock Market VTIBolsa Nasdaq
Global X NASDAQ 100 Covered Call QYLDTecnologia
Teucrium Commodity Trust - Teucrium Wheat Fund WEATTrigo
10ºDirexion Daily S&P Oil & Gas Exp. & Prod. Bear 2x Shares DRIPPetróleo
Fonte: Stake

Ações mais negociadas: big techs na preferência

Já quando o assunto são as ações, o ranking da Stake de março contou com as ações que são as queridinhas dos brasileiros no exterior - as big techs.

Entre as gigantes do setor de tecnologia estão empresas como Tesla – que ocupa o primeiro lugar – Apple, Meta e Microsoft.

A montadora de carros elétricos segue no radar dos investidores por ter trazido um balanço trimestral com um lucro líquido de US$ 5,5 bilhões no acumulado do ano passado, alta de 665% ante 2020, mesmo vivenciando problemas na cadeia de suprimentos de peças. Na ocasião da divulgação do balanço, as ações da Tesla chegaram a cair mais de 6% na Nasdaq.

Na sequência, o diretor presidente da Tesla, Elon Musk anunciou que a empresa entregou 310.048 veículos elétricos somente no primeiro trimestre de 2022, enfrentando também o fechamento temporário de instalações da companhia na China, um de seus maiores mercados.

Além do próprio desempenho da empresa, as movimentações de Musk também impactam no desempenho dos papeis da montadora, como a venda de ações da companhia e, recentemente, o anúncio da compra de 9,2% das ações do Twitter, tornando-se o maior acionista da plataforma social.

Ações meme: Gamestop e AMC

Segundo Lima, com a bolsa Nasdaq tendo sua melhor performance em março dos últimos cinco meses – alta mensal de 4,22% - as ações meme stock mais conhecidas no mercado como Gamestop e AMC voltaram à moda, subindo mais de 30% no período.

Outro destaque foram as ações da varejista chinesa Alibaba, que após ter tido uma das piores performances de sua história no mês passado, voltaram a subir.

“O Alibaba teve um mês positivo graças à sinalização de que Pequim irá colaborar com órgãos reguladores dos Estados Unidos, fato que atraiu a atenção de investidores para a companhia”, ressalta Lima.

As ações internacionais mais negociadas em março de 2022

ColocaçãoAçõesTickerSetor
TeslaTSLACarros elétricos
Apple AAPLTecnologia
Palantir Technologies PLTRTecnologia
NIO (China)NIOCarros elétricos
Gamestop GMEGames
NVIDIA NVDATecnologia
Meta PlatformsFBMídia
AMC AMCEntretenimento
Microsoft MSFTTecnologia
10º AlibabaBABAE-commerce
Fonte: Stake

Leia mais

IMAB11: vale a pena investir nesse ETF vinculado à renda fixa? (maisretorno.com)
ETF que aborda 'caráter' de diretores presidentes exclui Meta e Tesla (maisretorno.com)
Qual é o melhor ETF para investir no S&P 500: IVVB11, SPXI11 ou BIVB39? | Mais Retorno
FIXA11: conheça o primeiro ETF de renda fixa do Brasil (maisretorno.com)
Pãozinho francês fica mais caro com alta no preço do trigo (maisretorno.com)
Preço do trigo bate recorde histórico nos EUA; alta foi de 46,25% (maisretorno.com)
Biden proíbe importação de petróleo da Rússia (maisretorno.com)

Sobre o autor
Julia Zillig
Repórter do Portal Mais Retorno.