Logo Mais Retorno
Rússia e países emergentes
Fundos de Investimentos

Conheça 5 fundos de investimentos brasileiros que são diretamente afetados pela guerra da Rússia

Fundos como Ashmore EM Equity Advisory, Western Asset Macro Strategies e PIMCO Income refletem instabilidade no mercado de emergentes

Data de publicação:03/03/2022 às 00:30 -
Atualizado 2 meses atrás
Compartilhe:

Antes da guerra contra a Ucrânia, a Rússia era considerada um mercado interessante para investimentos. Afinal, ao lado de Brasil, China e Índia, o país estava na categoria de emergentes e, sem grandes problemas no caminho, movimentava uma economia com grande potencial futuro. Agora, tudo mudou com a invasão ao seu país vizinho.

Pária global, a Rússia se tornou alvo de uma série de sanções econômicas e que colocam o mercado financeiro russo em xeque. Há efeitos diretos na economia brasileira, como volatilidade no câmbio, dores de cabeça com produtos agrícolas e inflação. Mas um outro ativo entra na mira: os fundos de investimento focados em países emergentes. Selecionamos 5 deles, 3 de ações e 2 multimercado.

Mercado tem atenções voltadas e deve reagir à evolução do guerra entre Rússia e Ucrânia
Foto: Reprodução

Afinal, mais do que os empecilhos que o país russo irá enfrentar ao longo dos próximos anos, analistas alertam que os países emergentes, no geral, devem passar a sofrer com a desconfiança do mercado. Investidores mais conservadores, por exemplo, vão se afastar de aportes em países desse grupo, preferindo mercados e ativos mais tradicionais.

Confira, a seguir, detalhes esse 5 fundos, e como eles estão se movimentando nas últimas semanas.

Quais são os fundos de países emergentes?

Ashmore EM Equity Advisory

O fundo Ashmore EM Equity Advisory é um fundo de ações, formado apenas por ativos internacionais de estratégia long only, com foco especial em mercados emergentes. Conta atualmente com pouco mais de 3,3 mil cotistas e patrimônio de R$ 122.450.919,54, que é distribuído tipicamente entre 30 e 40 posições em seu portfólio, que variam de 2% e 10% do patrimônio líquido geral. "A bolsa de valores de Moscou fechou e reabriu e está negociando grandes volumes. Continuamos cautelosamente underweight na região", disse a Ashmore para a XP Investimentos no final de fevereiro.

Iniciado em agosto de 2020, o fundo mostra resultados divididos: são 12 meses com resultados positivos e 7 meses no negativo — enquanto o Ibovespa, por exemplo, apresentou 8 meses no positivo e 11 no negativo. E depois de atingir o maior retorno com 9,02% em novembro de 2020, o Ashmore EM Equity Advisory passou a enfrentar certa instabilidade em 2021 e, agora, as quedas se acentuaram, com perdas de 5,87% em fevereiro, com o início da guerra.

Jan.Fev.Mar.AbrilMaioJunhoJulhoAgo.Set.Out.Nov.Dez.
20220,47-5,87----------
20213,441,48-1,321,550,280,02-6,050,75-4,882,28-3,663,48
2020--------0,03-2,792,609,027,42
Fonte: Mais Retorno

Vitreo Emerging Market Equities FIA

Outro fundo de ações de países emergentes é o Emerging Market Equities FIA, da Vitreo. Segundo dados da própria empresa, o fundo é focado em diversas empresas globais, de países emergentes. O patrimônio de R$ 4.191.730,76 dos 585 cotistas é dividido entre BDR (67,49%), investimentos no exterior (18,96%), ações em países emergentes (11,64%), operações compromissadas (1,31%), disponibilidades (0,23%), valores a pagar (0,21%) e valores a receber (0,16%).

Com essa divisão, porém, os resultados não tem sido positivos e estão acentuando as perdas agora em 2022, com a chegada da guerra na Rússia. Olhando para a consistência do fundo, esse resultado preocupante se intensifica: são três meses de ganhos contra 9 meses negativos. Neste último mês, com a guerra no horizonte, as perdas ganharam força.

Jan.Fev.Mar.AbrilMaioJunhoJulhoAgo.Set.Out.Nov.Dez.
2022-1,58-8,18----------
2021---5,35-2,32-3,49-3,89-7,401,860,412,51-2,90-0,99
Fonte: Mais Retorno

Western Asset Macro Strategies

Um dos fundos multimercado mais antigos em atividade e com foco em mercados emergentes, o Western Asset Macro Strategies também está acelerando perdas após a guerra na Rússia. Afinal, o fundo conta com 9,06% de seus ativos em solo russo e, na alocação por moeda, 10,36% estão no rublo russo. Assim, mesmo com um histórico mais consistente e R$ 100.076.479,86 em patrimônio líquido, divididos entre 580 cotistas, há certa preocupação no ar com resultados futuros.

"Desde o início do ano, a posição em Rússia veio sendo reduzida e hoje é próxima à metade do que era no início do ano. Dada a depreciação da moeda e impacto nos juros, essa posição, do ponto de vista de valuation, parece já precificar parte do cenário de piora, dessa forma, não deve haver alteração significativa no curtíssimo prazo", explica a Western Asset em conversa com a XP Investimentos. Confira, logo abaixo, os resultados do fundo em 2021 e 2022.

Jan.Fev.Mar.AbrilMaioJunhoJulhoAgo.Set.Out.Nov.Dez.
2022-3,19-7,16----------
2021-2,60-3,38-3,253,721,512,720,681,74-0,730-1,232,44
Fonte: Mais Retorno

PIMCO Income

O PIMCO Income é um multimercado, focado em mercados emergentes e um dos mais sólidos em atividade. Começou operações em fevereiro de 2016 e conta com números interessantes: são R$ 830,3 milhões em patrimônio líquido, uma aplicação mínima mais alta, na casa dos R$ 5 mil, com a maior parte dessas exposições em soberano e quase-soberano.

No entanto, apesar dessa solidez, a exposição de cerca de 2,5% de seus ativos na Rússia (1,7% external e 0,8% local) faz com que os resultados tenham desempenho negativo. No entanto, a gestora é positiva. "O risco de default é baixo, dado que os balanços são muito fortes, reservas internacionais significativas e baixo nível de endividamento do país. A Rússia tem superávit de conta corrente de 10% do PIB e reservas internacionais no all time high (US$ 640 bilhões)", diz.

Vale notar, porém, que apesar de uma rentabilidade tímida em 2021 (dos 10 meses positivos, 8 ficaram abaixo do 1%), o PIMCO Income conta com consistência: são 61 meses positivos contra apenas 12 meses negativos. Além disso, o fundo só teve uma perda maior do que a vista em fevereiro em março de 2020, de -8,47, com o início da pandemia.

Jan.Fev.Mar.AbrilMaioJun.Jul.Ago.Set.OutNov.Dez.
2022-0,37-1,47----------
20210,42-0,380,021,180,740,600,630,700,380,09-0,281,84
Fonte: Mais Retorno

Wellington Emerging Market Development Advisory

Ainda que nenhuma das carteiras de Wellington detinha exposição direta a quaisquer títulos corporativos ou soberanos sujeitos a restrições comerciais anunciadas sob as leis de sanções dos EUA, Reino Unido, UE ou Austrália, o Wellington Emerging Market Development Advisory é um funds de ações e também apresenta perdas em fevereiro de 2022. Aberto para negociações em dezembro de 2020, o fundo já tinha um resultado misto até a chegada da guerra contra a Ucrânia.

Com 377 cotistas e patrimônio líquido de R$ 19,75 milhões, o fundo apresentou uma queda considerável no começo do ano, conforme as sanções contra a Rússia aumentaram. Para a XP, a Wellington disse que estão "engajados com investidores e traders a se manterem atentos ao ambiente de sanções". Assim, irão revisar continuamente processos à medida que novas sanções sejam emitidas e modificadas para que sejam refinadas ou evoluídas conforme necessário.

Jan.Fev.Mar.AbrilMaioJun.Jul.Ago.Set.Out.Nov.Dez.
2022-5,73-4,32----------
20214,02-0,83-3,302,761,911,08-4,341,72-1,150,06-2,32-0,06
Fonte: Mais Retorno

Leia mais

Sobre o autor
Matheus Mans
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

Inscreva-se em nossa newsletter