Logo Mais Retorno
Focus: projeção para a inflação em 2022 sobe de 7,46% para 7,65% e segue longe da meta
Economia

Boletim Focus: projeções para a inflação de 2022 caem a 6,40%, na 11° baixa consecutiva

Para 2023, expectativas também recuaram em mais uma edição do relatório

Data de publicação:12/09/2022 às 10:17 -
Atualizado 5 meses atrás
Compartilhe:

Em mais uma edição do Boletim Focus, divulgado pelo Banco Central na manhã desta segunda-feira, 12, as projeções para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) voltaram a cair. Neste relatório semanal, que reúne as apostas do mercado para os principais indicadores econômicos, o indicador oficial de inflação do País para 2022 foi de 6,61% na semana passada para 6,40% hoje.

Com a variação registrada nesta semana, as projeções para o IPCA vivem a 11° queda consecutiva, depois da divulgação da inflação de agosto na última sexta-feira, 09, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontar uma desaceleração de 0,36%, puxada sobretudo pelos preços dos combustíveis, com destaque para a gasolina.

Boletim Focus ipca-15
IPCA segue muito acima do teto da meta da inflação para 2022 | Foto: Reprodução

Para 2023, as expectativas variaram um pouco menos, de 5,09% para 5,05%. Convém destacar que o alvo do Banco Central para este ano é o IPCA em 3,50%, com tolerância superior de até 5,00%, ao passo que para o próximo ano a meta é de 3,25%, indo até 4,75% na máxima.

Já para 2024, as projeções voltaram a subir de 3,43% da semana passada para atuais 3,47%. Na semana passada, o diretor de política monetária do Banco Central, Bruno Serra, confessou que o aumentos das apostas em alta para a inflação de 2024 se tornou motivo de preocupação para os técnicos da autarquia. O presidente da instituição, Roberto Campos Neto, afirmou que eles ainda avaliam mais uma alta para a Selic, taxa básica de juros, a fim de controlar os preços.

Expectativas para a Selic permanecem iguais

Mesmo com as sinalizações dos dirigentes do Banco Central, as projeções para a Selic segundo o Boletim Focus permanecem iguais, em 13,75% ao ano. Vale lembrar que este já é o nível atual da taxa de juros, alcançado na última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) em agosto. A próxima reunião acontece ainda em setembro, entre os dias 20 e 21.

A mediana para a Selic no final de 2023 continuou em 11,25%, contra 11,00% há um mês. Já para 2024, as projeções se mantiveram em 8,00%, também repetindo a taxa de um mês antes.

PIB e dólar no Boletim Focus

As expectativas para o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro avançaram tanto para 2022 quanto para 2023, mas permaneceram as mesmas para 2024. Já para a taxa de câmbio, as projeções seguem inalteradas em todos os intervalos de tempo. Confira os números na tabela a seguir.

PIBDólar
2022+2,39%R$ 5,20
2023+0,50%R$ 5,20
2024+1,80%R$ 5,10
Fonte: Banco Central

Leia mais

Com Renato Jakitas e Agência Estado

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

Inscreva-se em nossa newsletter