Última modificação em 22 de fevereiro de 2021

O que é Abecip?

Abecip é a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança, fundada em 1967, três anos depois da criação do Sistema Financeiro da Habitação (SFH). Seu intuito é o de contribuir para um sistema de crédito imobiliário sólido, baseado na oferta de crédito de forma justa e equitativa à população.

Ela também é responsável por assegurar o desenvolvimento sustentável dos financiamentos, com base em rigorosos critérios éticos. Para alcançar esses objetivos, a associação faz uso de meios que, entre outros, são:

Alguns dos seus associados são o Banco Safra, Caixa e Bradesco.

Quais são as certificações da Abecip?

Além de regular o mercado de crédito imobiliário e poupança, a Abecip traz certificações voltadas para os profissionais das instituições financeiras com expertise no crédito imobiliário e na estruturação de operações financeiras com lastro em imóveis, indivíduos que comercializam produtos de crédito imobiliário e a quem mais possa interessar.

As avaliações são realizadas com a Fundação Getúlio Vargas e, quando aprovado, o profissional adquire o diferencial no currículo.

CA-300

Ideal para quem tem um negócio de oferta de crédito imobiliário, já que o Banco Central exige que todos os seus correspondentes bancários atendam à Resolução 3.954, principal objeto da certificação.

Em outras palavras: se você trabalha com o financiamento de imóveis, você deve ter a CA-300 para estar em conformidade com a legislação brasileira.

CA-400

A CA-400 possui o mesmo objeto da CA-300, capacitação na Resolução 3954 do BACEN, mas tem um nível intermediário de dificuldade. Não possui nenhum pré-requisito para a realização da prova, ou seja, mesmo que você não tenha a certificação básica, você pode sim partir para a CA-400.

Alguns dos seus conteúdos programáticos são: matemática financeira, negócios e garantias imobiliárias e SFH.

CA-600

É o nível mais avançado e final das certificações Abecip. Além do Banco Central, a FEBRABAN também a torna obrigatória, segundo consta o Normativo do Sistema de Autorregulação Bancária da Febraban Nº 009/2013, no caso de profissionais que comercializam produtos de crédito imobiliário e também tenham contato direto com clientes.

Além dos conteúdos da CA-400, ela também inclui: custos e tributação (conhecimentos em impostos sobre transmissão de bens imóveis, por exemplo) e pós-contratação (conteúdos sobre amortização ou liquidação do saldo devedor de financiamento e pagamento de parte do valor das prestações).

Qual a importância da Abecip?

Além do que já foi explicado no artigo, capacitação e conformidade com as leis nacionais, a Abecip é o órgão que trata de um dos gargalos do país: o problema da moradia. Em 2001, 31,6% da população mundial residia em favelas. No Brasil, a porcentagem era de 4% — 6,7 milhões de pessoas.

As instituições de financiamento de imóvel só atendiam a clientes de renda elevada, por isso foi criado o modelo de financiamento habitacional com captação de fundos por meio de depósitos de poupança. O SFH repassa, na forma de empréstimo, recursos provenientes da poupança de indivíduos de menor poder aquisitivo aos compradores de imóveis.

Inclusive, o programa Minha Casa Minha Vida faz parte desse sistema. O financiamento, em regra geral, pode chegar no máximo a 80% do valor do imóvel, que não pode ultrapassar o preço de R$ 1,5 milhão. Portanto, a Abecip é imprescindível para o cumprimento dessa e das demais regras.

Termo do dia

Shortear

Shortear é o nome popular para a operação de venda a descoberto. Entenda como ela funciona e quais são os principais riscos oferecidos pela estratégia.