Logo Mais Retorno
EUA
Economia

PIB dos EUA sobe à taxa anualizada de 2,9% no 3º trimestre, mostra 2ª leitura

Inflação norte-americana no consumo subiu em 4,3% no terceiro trimestre em base anual

Data de publicação:30/11/2022 às 14:32 -
Atualizado 2 meses atrás
Compartilhe:

O Produto Interno Bruto (PIB) dos EUA cresceu 2,9% no terceiro trimestre de 2022, a ritmo anualizado, de acordo com a segunda leitura do indicador, divulgada pelo Departamento do Comércio nesta quarta-feira, 30.

A primeira leitura indicava avanço menor da economia norte-americana, de 2,6%. O número revisado ainda ficou acima do previsto por analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam avanço anualizado de 2,7%.

PIB dos EUA
Crescimento do PIB superou as expectativas do mercado | Foto: Envato

Com a confirmação de resultado positivo, a economia dos EUA superou a recessão técnica em que entrou no segundo trimestre, quando seu PIB encolheu 0,6%, marcando a segunda contração trimestral consecutiva.

O Departamento do Comércio informou também que o índice de preços de gastos com consumo (PCE, na sigla em inglês) avançou à taxa anualizada de 4,3% no segundo trimestre, acima da estimativa original de 4,2% e após avançar 7,3% no segundo trimestre.

Já o núcleo do PCE, que desconsidera preços de alimentos e energia, subiu 4,6% no mesmo intervalo, também revisado em 0,1 ponto porcentual para cima.

O PCE é a medida de inflação preferida do Federal Reserve, ou Fed, como é conhecido o banco central dos EUA. Resta saber qual será a leitura desses dados pelas autoridades monetárias. Jerome Powell, presidente do Federal Reserve (banco central dos EUA) fará um discurso às 15h30 desta quarta-feira, dia 30.

Leia mais:

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

Inscreva-se em nossa newsletter