Economia

O Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna (IGP-DI) registrou queda de 0,14% em agosto, após um avanço de 1,45% em julho, informou nesta quarta-feira, 8, o Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas (FGV).

Foto: envato
Resultado do IGP-DI de agosto ficou abaixo da estimativas dos analistas, mas dentro do intervalo das projeções, que ia de uma queda de 0,23% a avanço de 0,61% - Foto: Envato

O resultado do indicador ficou abaixo da mediana de -0,03% obtida nas estimativas dos analistas e dentro do intervalo das projeções, que ia de uma queda de 0,23% a avanço de 0,61%. Com o resultado, o IGP-DI acumulou uma elevação de 15,75% no ano até agosto e avanço de 28,21% em 12 meses.

Composição

A FGV informou ainda os resultados dos três indicadores que compõem o IGP-DI. O Índice de Preços por Atacado - Disponibilidade Interna (IPA-DI), que representa o atacado, teve queda de 0,42% em agosto ante uma alta de 1,65% em julho.

O Índice de Preços ao Consumidor - Disponibilidade Interna (IPC-DI), que apura a evolução de preços no varejo, subiu 0,71% em agosto, após o avanço de 0,92% em julho.

Já o Índice Nacional de Custos da Construção - Disponibilidade Interna (INCC-DI), que mensura o impacto de preços na construção, teve elevação de 0,46% em agosto, depois da alta de 0,85% em julho. O período de coleta de preços para o índice de agosto foi do dia 1º ao dia 31 do mês.

Núcleo do IPC-DI

O núcleo do IPC-DI de agosto subiu 0,53%, após a elevação de 0,42% registrada em julho. Esse indicador é usado para mensurar tendências e calculado a partir da exclusão das principais quedas e das mais expressivas altas de preços no varejo.

Ainda de acordo com a FGV, o núcleo do IGP-DI acumulou uma elevação 3,04% no ano e avanço de 4,02% em 12 meses. / com Agência Estado

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Veja mais Ver mais