Logo Mais Retorno
Mercado Financeiro

Ibovespa fecha em baixa de 1,55%, acompanhando o exterior e puxado pelas ações da Vale; dólar volta a subir e vai a R$ 4,890

Papéis ligados ao minério de ferro viveram um dia de realização de lucros

Data de publicação:08/06/2022 às 17:26 -
Atualizado 23 dias atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

A Bolsa fechou em queda de 1,55%, aos 108.363 pontos nesta quarta-feira, 8, em dia de aversão ao risco no mercado internacional e de forte desvalorização das ações da Vale e das demais gigantes siderúrgicas.

Apesar de operar no nível mais alto em meses, a valorização do minério de ferro não foi o suficiente para manter as ações dessas empresas no terreno positivo.

Vale
Em um movimento de realização de lucros, ações da Vale caem mais de XX% e puxaram o Ibovespa para baixo - Foto: Reprodução

Nos mercados internacionais, conforme explicam analistas do BTG Pactual, predominou a cautela dos investidores com o cenário macroeconômico, marcado por uma pressão inflacionária persistente e perspectivas de um período longo de aperto monetário, com juros mais altos em nível global.

Neste cenário, os títulos de renda fixa ganham destaque frente a renda variável em diversos países.

Em um contexto de maior aversão ao risco, muitas incertezas econômicas e a busca dos investidores por ativos considerados mais seguros, o dólar viveu mais um dia de alta. A moeda americana, que é considerada uma divisa extremamente segura, se valorizou 0,33% e fechou o dia cotado a R$ 4,890.

Ao longo do dia, a Organização para a a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) informou que reduziu a projeção do crescimento global em 2022 de 4,5% para 3,0%, pontuando os impactos que a guerra na Ucrânia ainda pode causar.

O dia na Bolsa

Maiores altas da Bolsa

EmpresaCódigoVariação
QualicorpQUAL3+2,83%
CognaCOGN3+2,41%
HapvidaHAPV3+2,39%
ViaVIIA3+2,38
PetroRioPRIO3+2,09%
Fonte: B3

Maiores baixas da Bolsa

EmpresaCódigoVariação
WegWEGE3-5,59%
GerdauGGBR4-4,87%
CSNCSNA3-4,61%
UsiminasUSIM5-4,50%
Gerdau MetalurgiaGOAU4-3,60%
Fonte: B3

Mercados internacionais

Nos Estados Unidos, a preocupação com a inflação segue em alta entre os investidores e os especialistas do mercado. Na véspera, a secretária de Estado dos Estados Unidos, Janet Yellen, disse que acredita que a inflação americana deve continuar em alta por algum tempo ainda, o que aumenta a aversão a riscos.

Além disso, ressaltou que a inflação em 8% é "inaceitável" e garantiu que o governo trabalha para reduzir o problema. Nesta sexta-feira, 10, será divulgado o Índice de Preços ao Consumidor (CPI, na sigla em inglês) de maio.

A autoridade argumentou que a inflação atual é um fenômeno global, não apenas dos EUA, e ocorre em países com políticas fiscais muito distintas.

Ao mesmo tempo, reafirmou que mais adiante o quadro inflacionário melhorará nos EUA, rechaçando que isso poderia durar cerca de uma década, como questionado por um deputado.

Na Europa, os investidores repercutiram os dados do Produto Interno Bruto (PIB) da zona do euro, que cresceu 0,6% no primeiro trimestre de 2022 ante o quarto trimestre do ano passado, segundo a terceira e última leitura do indicador divulgada pela Eurostat.

O resultado representa uma revisão positiva em relação à estimativa anterior, que apontava expansão de 0,3% na atividade. Na comparação anual, a economia da zona do euro teve avanço de 5,4% entre janeiro e março, 0,3 ponto porcentual acima do cálculo prévio. Embora os resultados tenham sido positivos, isso não foi o suficiente para animar os investidores.

Já na Ásia, as bolsas fecharam em alta nesta, em meio ao alívio no cerco da China contra empresas do setor de tecnologia. O relaxamento das restrições para controlar o coronavírus naquele país também ajudou a atenuar os efeitos das preocupações sobre a economia global nas mesas de operações da região.

Fechamento das bolsas americanas

  • Dow Jones: -0,81%
  • S&P 500: -1,08%
  • Nasdaq 100: -0,76%

Fechamento das bolsas europeias

  • Stoxx 600 (Europa): -0,57%
  • FTSE 100 (Inglaterra): -0,08%
  • DAX (Alemanha): -0,76%
  • CAC 40 (França): b- 0,80%

Fechamento das bolsas asiáticas

  • Xangai Composto (China): +0,68%
  • Shenzhen Composto (China): +0,52%
  • Hang Seng (Hong Kong): +2,24%
  • Nikkei (Japão): +1,04%
  • Kospi (Coréia do Sul): +0,39%
  • Taiex (Taiwan): +de 0,95%

Com Júlia Zillig e Agência Estado

Leia mais

Bolsa cai com mau humor no exterior e baixa nas ações da Vale (maisretorno.com)
Aliansce e brMalls: acionistas votam fusão hoje; saiba o que esperar (maisretorno.com)
Fundos de investimento têm em maio a pior captação de 2022 (maisretorno.com)
Eletrobras: reserva de ofertas acaba hoje; confira tudo o que precisa saber (maisretorno.com)

Sobre o autor
Bruna Miato
Repórter na Mais Retorno