O que é o Bovespa Mais?

Bovespa Mais é o nome dado a um tipo específico de segmento de acesso à Bolsa de Valores brasileira, que tem como objetivo principal fomentar o desenvolvimento da governança corporativa nas organizações que almejam adentrar no mercado de capitais. Isso porque a governança corporativa é tida como uma das chaves para garantir maior transparência, ética e segurança para a relação entre as companhias e os seus investidores, fomentando consequentemente os investimentos.

Criada pela própria B3, a Bovespa Mais concede às empresas o direito de serem registradas como companhia de capital aberto e de estarem listadas na Bolsa, enquanto a Oferta Pública Inicial (também conhecida como IPO) pode ser adiada. Isso significa que entre a estreia na Bolsa e o IPO propriamente dito podem existir longos intervalos, de acordo com o grau de preparação de cada organização para tal.

Contudo, essa não é uma terra sem lei. Para permanecer no segmento Bovespa Mais, as companhias têm que se enquadrar em uma série de requisitos, em sua maioria absoluta ligados a questões de governança corporativa. São eles:


Como investir em empresas listadas no Bovespa Mais?

Dado o pontapé para o IPO, o investidor pode negociar as ações de uma empresa listada no Bovespa Mais seguindo os procedimentos tradicionais. Isso quer dizer entrar no Home Broker, localizar os códigos de negociação dessas companhias, emitir ordens de compra ou venda e arcar com os eventuais custos (taxa de corretagem, taxa de administração, custódia, emolumentos etc.) diretamente com a corretora.

Contudo, vale lembrar que essas empresas costumam emitir títulos com baixa liquidez, visto que ainda estão engatinhando no mercado financeiro e começando a chamar a atenção dos investidores. Na hora de considerar uma possível aplicação, é imprescindível que esse ponto seja considerável, visto que não raro os investimentos no Bovespa Mais são tidos como aplicações melhores para médio e longo prazo.

Como as empresas deixam de ser listadas no Bovespa Mais?

As empresas podem deixar esse segmento por não atingirem algum dos requisitos financeiros determinados pela B3 (que discutiremos já adiante) ou por ascenderem aos demais graus de listagem, como o Novo Mercado.

No primeiro caso, especificamente, se desenham duas possibilidades para a sua retirada: não ter atingido o free float no prazo devido ou ter acumulado prejuízo. Esse prejuízo deve perdurar por cinco anos consecutivos e, simultaneamente, ser acompanhado por patrimônio líquido negativo nos últimos três anos - e vice-versa (cinco anos de patrimônio líquido negativo e três anos de prejuízo).

Como você já sabe, o caminho para a retirada do Bovespa Mais é a Oferta Pública de Aquisição (OPA) e o cancelamento de seu Contrato de Participação no Bovespa Mais.

Como Investir nos Melhores Fundos

Termo do dia

Economista Doméstico

O que é um economista doméstico? De forma simplista, o economista doméstico é um tipo de economista com formação específica em Economia Doméstica. Atualmente, no Brasil,…

Veja outros termos