Logo Mais Retorno
Personalidades

Quem é Changpeng Zhao? Conheça o criador da Binance a maior exchange de criptomoedas do mundo

Com patrimônio avaliado em US$ 65 bilhões, Changpeng Zhao, conhecido como CZ, está na lista como um dos bilionários espalhados pelo mundo, segundo a Forbes. Cz…

Data de publicação:18/04/2022 às 15:04 -
Atualizado 5 meses atrás
Compartilhe:

Com patrimônio avaliado em US$ 65 bilhões, Changpeng Zhao, conhecido como CZ, está na lista como um dos bilionários espalhados pelo mundo, segundo a Forbes.

Changpeng Zhao, dono da empresa Binance. | Foto reprodução.

Cz é o fundador e CEO da Binance, a maior exchange de criptomoedas do mundo.

Quem é Changpeng Zhao?

Você já deve ter percebido que as criptomoedas têm dominado o mundo, e podemos dizer que fazer parte disso tudo pode ser muito vantajoso. Changpeng está aqui para comprovar que uma casa de câmbio pode revolucionar o mercado.

CZ nasceu na China, em uma província chamada Jiangsu, e ainda pequeno mudou-se com sua mãe e irmã para o Canadá. Como imigrante conseguiu seu primeiro trabalho em uma franquia do McDonald’s, além de outros “bicos” para complementar a renda familiar.

O empresário percebeu logo em sua adolescência que cursaria a área de tecnologia, pelo amor e conhecimento sobre programação compartilhados por seu pai neste período.

Carreira

Zhao estudou ciência da computação na Universidade MCGill, em Montreal, e logo após sua formação foi para o Japão atuar com o desenvolvimento de softwares de trading para a Bolsa de Valores de Tóquio, TSE.

Entre os anos de 2001 e 2005, foi para os Estados Unidos, em Nova York e trabalhou como head de desenvolvimento na Bloomberg Tradebook. Neste período gerenciou uma equipe responsável pela plataforma de negociações de futuro do negócio.

No final de 2005, deixou a empresa, decidiu seguir “carreira solo” e fundou a Fusion Systems, companhia que desenvolvia sistemas para brokers.O empresário atuou com a empresa até o ano de 2013.

Mas para que de fato sua saída desta empresa acontecesse, um fato ocorreu:
durante um jogo de poker, Cz ouviu pela primeira vez falar sobre o bitcoin (moeda digital criada em 2008). Após o papo, o empresário resolveu se aprofundar sobre o tema e buscou entender mais sobre o criador, até então anônimo, Satoshi Nakamoto, considerado o “pai” da moeda.

Após este momento de descoberta sobre o mundo das criptos, Zhao deixou a empresa Fusion Systems, vendeu seu apartamento e investiu todo o seu dinheiro na moeda digital.

IMPORTANTE: apesar de a estratégia ter sido positiva para o empresário, especialistas indicam muita cautela ao investir em criptomoedas, que são consideradas ativos voláteis.

No mesmo ano o empresário seguiu estudando sobre a área, sua expansão no mercado financeiro e buscando aprender na prática como tudo de fato acontecia. Foi então que Zhao entrou na Blockchain.info, empresa que possui um explorador de blockchain e uma carteira completa de criptomoedas.

Nesta empresa ele atuou como head de tecnologia durante todo o ano e esteve com grandes nomes, como Roger Ver, Anthony Antonopoulos e Nicolas Cary.

Já em 2015 o empresário resolveu criar uma empresa do ramo e fundou a BijieTech, uma startup que desenvolvia e disponibiliza sistemas para exchanges. A empresa vendeu projetos para pelo menos 30 corretoras na Ásia, um sucesso para a época.

Empresa Binance

Apesar do grande sucesso, fortuna e início de carreira não tão fácil assim, CZ alcançou este patamar através de experiências no mercado financeiro até de fato concretizar sua própria empresa, Binance.

Após estas experiências e agregar conhecimento sobre o mercado de moedas digitais, Zhao criou a empresa, em julho de 2017, com intuito de focar totalmente no mercado de criptomoedas.

Para de fato dar início à empresa, o empresário e sua equipe fizeram um ICO (Oferta Inicial em Criptomoedas). Uma ICO é como um IPO (Oferta Pública Inicial) e é usada para unir fundos para projetos na área das criptomoedas.

Neste período foram criadas 200 milhões de unidades de Binance Coin (BNB), criptomoeda criada pela corretora. Em cerca de três semanas a empresa captou US$ 15 milhões, em seis meses a corretora ficou conhecida como a maior do mundo em volume de negócios.

Em 2021 a exchange movimentou uma média de US$18 bilhões, um volume muito maior que o de seus concorrentes.

Atualmente a empresa dispõe de cerca de 500 criptomoedas, que podem ser negociadas em mais de 180 países, incluindo o Brasil.

“Queremos identificar e investir em um ou dois alvos em cada setor econômico e tentar trazê-los para a criptomoedas.”

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

Inscreva-se em nossa newsletter