Logo Mais Retorno
Empresa

Netflix registra lucro líquido de mais de US$ 600 milhões, mas perspectivas de crescimento frustram o mercado

Pandemia e concorrência elevada desacelerou o crescimento da companhia

Data de publicação:28/01/2022 às 02:20 -
Atualizado 4 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

A Netflix divulgou seu balanço corporativo do quarto trimestre de 2021 e, apesar de registrar lucro líquido de de US$ 607,429 milhões no período - o que representa uma alta de 12% em relação ao mesmo trimestre de 2020 -, alguns números apresentados pela empresa decepcionaram o mercado, levando as ações da companhia a caírem mais de 20%.

O principal ponto que instalou um clima de cautela entre analistas e investidores foi em relação ao número de novos clientes. Em 2021, a gigante do streaming de filmes e séries conquistou mais 18,2 milhões clientes, um número 50% menor do que o registrado em 2020, de 36,6 milhões de novos clientes.

Netflix balanço
Foto: Reprodução

"A previsão é de que a desaceleração continue, pelo menos por mais um trimestre. A companhia disse que espera adicionar 2,5 milhões de assinantes, muito abaixo dos 3,98 milhões no primeiro trimestre de 2021 e 64% abaixo das projeções dos analistas que esperavam 6,93 milhões, segundo estimativas da StreetAccount".

Jennie Li e Barbara Oliveira em análise para a XP Investimentos

O que os números da Netflix representam?

De acordo com o relatório da XP, os altos e baixos da pandemia tornaram a empresa menos previsível. "A Netflix registrou seu maior crescimento de assinantes em 2020, quando o mundo inteiro passou a ficar em casa por conta da pandemia de covid-19. Segundo a companhia, isso foi uma das causas para um 2021 mais lento", pontua a corretora.

A própria Netflix destacou, também, que os desafios macroeconômicos enfrentados pela América Latina ao longo do ano, com a inflação avançando significativamente, resultaram em um crescimento de apenas 1,7% na região, valor bem menos expressivo do que o projetado anteriormente. Além disso, a maior competitividade entre os diversos serviços de streaming, como Prime Video, Dinsey Plus e HBO Max, também impactaram os resultados da companhia.

"Embora essa competição adicional possa afetar nosso crescimento marginal, continuamos a crescer em todos os países e regiões em que essas novas alternativas de streaming foram lançadas"

Netflix, em comunicado ao mercado

lucro diluído por ação foi de US$ 1,33, acima da previsão de US$ 0,83 feita por analistas do FactSet. Já a receita da companhia aumentou 16% em relação ao mesmo trimestre de 2020, a US$ 7,7 bilhões.

Perspectivas para a empresa

"A Netflix é um dos principais beneficiários da disrupção dos modelos de negócio da TV como conhecemos e ainda continua com menos de 10% do tempo de TV em seu maior mercado (Estados Unidos) com um forte crescimento à frente no para o segmento de streaming como um todo, mesmo com o aumento de concorrência no setor".

Jennie Li e Barbara Oliveira em análise para a XP Investimentos

No relatório, a corretora destaca ainda que, embora o crescimento demonstrado no período entre outubro e dezembro tenha sido mais lento, a companhia permanece com um bom desempenho global - que deve ser ainda mais beneficiado pelo aumento no número de dispositivos conectados à internet a nível mundial -, impulsionando, também o crescimento do total de novos assinantes da plataforma.

"Entre os riscos, com os concorrentes se expandindo recentemente para outros mercados, como Ásia e Europa, é esperado que a dominância da Netflix nessas regiões diminua", concluem as analistas.

Sobre o autor
Bruna Miato
Repórter na Mais Retorno