Mercado Financeiro

Os juros futuros estão todos em alta, tanto de contratos com vencimento mais próximo, quantos os de prazo mais longo.

Às 13h,30 a elevação é mais expressiva nos juros mais longos: os de vencimento em janeiro de 2027 sobem 0,15% e projetam a Selic a 8,81%; os de janeiro de 2029 sobem 0,15%, com projeção de 9,15%; os de janeiro de 2028, alta de 0,11%, com projeção de 8,89% para a Selic; os de vencimento em julho de 2024 sobem 0,17% com Selic em 8,01%.

Mercado: investidores de olho no cenário fiscal nesta quarta-feira
Mercado: investidores de olho no cenário fiscal nesta quarta-feira

A reação veio com a divulgação do índice de preços ao consumidor, o CPI, dos Estados Unidos, com uma alta de 4,2% em abril, quando comparado ao mesmo dado no ano passado. Um número bem acima das projeções de mercado, que estavam em 3,6%.

Se a inflação mostra fôlego maior que o esperado, a perspectiva é a de que o Federal Reserve, o Banco Central americano, seja obrigado a subir os juros mais cedo. Taxas altas atraem os investidores para os papeis do Tesouro dos EUA, enfraquecendo as bolsas ao redor do mundo, especialmente de países emergentes, com valorização do dólar.

A alta dos juros de hoje reflete, portanto, a expectativa do mercado em relação à alta dos juros aqui também, em ajustes aos juros no exterior.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Visualizar Comentários

Veja mais Ver mais