Empresa

A Hapvida informou que os acionistas do Grupo HB Saúde, que atua na cidade de São José do Rio Preto (SP), aceitaram a oferta da companhia para a compra de até 100% da empresa.

Segundo a companhia, como o valor da oferta foi de R$ 650 milhões para aquisição da totalidade do grupo, o desembolso previsto para cerca de 59% do capital total seria de aproximadamente R$ 383,5 milhões.

Foto: Reprodução
Hapvida venceu a disputa com a SulAmerica pela aquisição do grupo HB Saúde. Negócio ainda depende de aprovação do Cade - Foto: Reprodução

A companhia ressaltou que segue aberta para adquirir os demais sócios pelas mesmas condições ofertadas. Há um mês, a Hapvida e a SulAmerica travaram uma disputa, com a concorrente ofertando R$ 563 milhões por 100% do grupo.

De acordo com a Hapvida, a consumação da transação está sujeita ao cumprimento de condições precedentes adicionais, incluindo a coleta dos termos de adesão à proposta; a negociação bem-sucedida dos respectivos instrumentos contratuais de aquisição e suas respectivas formalizações, o que envolve também a condução de maneira satisfatória dos procedimentos de diligência legal, contábil e operacional.

Soma-se ainda a apreciação e aprovação pelos órgãos reguladores Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

Proventos

Na véspera , o conselho de administração da Hapvida aprovou o pagamento de Juros sobre Capital Próprio (JCP) no valor de R$ 45.724.479,00, correspondente ao valor bruto por ação de R$ 0,0117651047.

Segundo comunicado divulgado aos acionistas, os proventos serão pagos até o dia 22 de outubro e está sujeito à incidência de 15% de imposto de renda na fonte, exceto aos acionistas comprovadamente imunes ou isentos.

Os JCP serão distribuídos aos acionistas detentores de ações da companhia na data-base de 27 de setembro de 2021. As ações passarão a ser negociadas como “ex-JCP” a partir de 28 de setembro de 2021.

Apesar da distribuição de lucros de suas ações, a operadora registrou um lucro líquido menos gordo no segundo trimestre deste ano. Segundo balanço divulgado pela companhia, o montante foi de R$ 104,6 milhões, queda de 62,5% ante o mesmo período do ano passado. / com Agência Estado

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Veja mais Ver mais