Empresa

O conselho de administração do grupo Fleury aprovou a realização da 6ª emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações, da espécie quirografária, em três séries, para distribuição pública com esforços restritos.

Grupo Fleury - fonte: instituição
logo da rede de laboratórios Fleury - Foto: Reprodução

De acordo com a companhia, essa é a primeira emissão de debêntures do grupo com componente ESG, que permitirá sua classificação como "sustainability-linked" (títulos vinculados a metas sustentáveis).

O valor total da emissão é R$ 1 bilhão: R$ 250 milhões (primeira série); R$ 375 milhões (segunda série) e R$ 375 milhões (terceira série), com prazos de 4, 5 e 7 anos respectivamente.

A remuneração será equivalente a 100% da taxa DI mais 1,35% ao ano na primeira série; 1,50% ao ano na segunda séria; e 1,75% ao ano na terceira. Caso as metas ESG não sejam atendidas, os spreads sofrerão aumento de até 0,125% ao ano, 0,25% ao ano e 0,35% ao ano, respectivamente.

Os recursos líquidos captados pela companhia serão destinados a usos corporativos gerais, como reforço de capital de giro e alongamento de passivo.

Mercado capixaba

Em um forte movimento de expansão, a rede de laboratórios , por meio da subsidiária Fleury Centro de Procedimentos Médicos Avançados, adquiriu 100% das quotas de emissão do Laboratório Pretti e do Laboratório Bioclínico no mês passado.

De acordo com comunicado, "as duas aquisições marcam a entrada do Fleury no Estado do Espírito Santo e representam mais um movimento estratégico da companhia, expandindo sua capilaridade nacional e complementando ainda mais sua oferta na região sudeste do País".

A conclusão das transações está condicionada à satisfação ou renúncia de determinadas condições precedentes, conforme previstas em cada um dos respectivos contratos, informou a companhia.

Com estas duas aquisições, o Fleury superou o patamar de R$ 1 bilhão investidos em aquisições nos últimos cinco anos - em que adquiriu 12 empresas que, juntas, somam mais de 125 unidades de atendimento.

Além disso, totaliza mais de R$ 500 milhões em receitas anuais, além de realizar os investimentos na Prontmed, Bem.Care, e Sweetch. / com Agência Estado

Imagem do autor

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Visualizar Comentários

Empresa
Empresa
Empresa
Empresa
Veja mais Ver mais