Logo Mais Retorno
dívida
Renda Fixa

Após recorde de captação em 2020, poupança tem saque de R$ 35,497 bi em 2021

Estoque depositado em poupança ficou em R$ 1,031 trilhão no final do ano passado

Data de publicação:06/01/2022 às 17:19 -
Atualizado 2 anos atrás
Compartilhe:

Após bater recorde de captação em 2020 (R$ 166,3 bilhões), os saques na caderneta de poupança voltaram a superar os depósitos em 2021. Segundo o Banco Central informou nesta quinta-feira, 6, o saldo na caderneta ficou negativo em R$ 35,497 bilhões no ano passado.

O resultado decorre de aportes de R$ 3,410 trilhões e saques de R$ 3,445 trilhões. Como a rentabilidade somou R$ 30,472 bilhões no período, os brasileiros encerraram 2021 com um volume de R$ 1,031 trilhão na aplicação.

poupança

Em dezembro, o saldo foi positivo (R$ 7,660 bilhões), interrompendo uma sequência de quatro meses de saída. Os depósitos somaram R$ 325,840 bilhões e as retiradas, R$ 318,180 bilhões. O rendimento do mês foi de R$ 4,341 bilhões.

Enquanto, em 2020, a aplicação na caderneta de poupança foi favorecida pelos auxílios pagos à população e pela mudança de hábitos em meio à pandemia de covid-19, em 2021, com a redução dos benefícios, a reabertura econômica e a inflação nas alturas, os saques voltaram a ser preponderantes.

Atualmente, com o aumento da taxa Selic a 9,25% ao ano, a poupança é remunerada pela taxa referencial (TR), que está em 0,1140% ao mês (1,38% ao ano), mais uma taxa fixa de 0,5% ao mês (6,17%). Quando a Selic está abaixo de 8,5%, a atualização é feita com TR mais 70% da taxa básica de juros.

O BC estuda mudar a regra de correção da caderneta de poupança, a principal fonte para os financiamentos à casa própria pelo Sistema Financeiro da Habitação e ainda hoje o investimento mais popular dos brasileiros. O BC quer que a poupança tenha uma correção mais próxima daquela que é usada para fazer o financiamento de projetos imobiliários.

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

® Mais Retorno. Todos os direitos reservados.

O portal maisretorno.com (o "Portal") é de propriedade da MR Educação & Tecnologia Ltda. (CNPJ/MF nº 28.373.825/0001-70) ("Mais Retorno"). As informações disponibilizadas na ferramenta de fundos da Mais Retorno não configuram um relatório de análise ou qualquer tipo de recomendação e foram obtidas a partir de fontes públicas como a CVM. Rentabilidade passada não representa garantia de resultados futuros e apesar do cuidado na coleta e manuseio das informações, elas não foram conferidas individualmente. As informações são enviadas pelos próprios gestores aos órgãos reguladores e podem haver divergências pontuais e atraso em determinadas atualizações. Alguns cálculos e bases de dados podem não ser perfeitamente aplicáveis a cenários reais, seja por simplificações, arredondamentos ou aproximações, seja por não aplicação de todas as variáveis envolvidas no investimento real como todos os custos, timming e disponibilidade do investimento em diferentes janelas temporais. A Mais Retorno, seus sócios, administradores, representantes legais e funcionários não garantem sua exatidão, atualização, precisão, adequação, integridade ou veracidade, tampouco se responsabilizam pela publicação acidental de dados incorretos.
É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos, ilustrações ou qualquer outro conteúdo deste site por qualquer meio sem a prévia autorização de seu autor/criador ou do administrador, conforme LEI Nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998.
® Mais Retorno / Todos os direitos reservados