Logo Mais Retorno
armac
Empresa

Ações da Armac disparam mais de 33% em dia de estreia na B3

A Armac conseguiu levantar cerca de R$ 1,5 bilhão com seu IPO, que saiu no topo da faixa indicativa, com o preço por ação a R$ 16,63

Data de publicação:28/07/2021 às 15:09 -
Atualizado um ano atrás
Compartilhe:

As ações da Armac, plataforma de locação e manutenção de equipamentos com foco principal na categoria de linha amarela (pás-carregadeiras, escavadeiras hidráulicas, tratores agrícolas etc), fizeram sua estreia na B3, a Bolsa de Valores brasileira, nesta quarta-feira, 28. Em seu primeiro pregão, os papéis da companhia fecharam com forte alta de 33,76%, vendidos a R$ 22,48.

A empresa chega a bolsa avaliada em R$ 5,75 bilhões e o código de negociação de suas ações é ARML3.

armac
Foto: Reprodução

O IPO (oferta pública inicial, na tradução) da empresa movimentou R$ 1,5 bilhão, com o preço por ação fixado em R$ 16,63 na última segunda-feira, 26. Esse valor é o topo da faixa indicativa, que começava em R$ 13,30.

A Armac ofertou mais 68 milhões de ações - entre oferta primária e secundária - e teve seu IPO recomendado pelas principais casas de análise. A Eleven Financial, por exemplo, indicou a compra das ações, considerando que a empresa possui importantes diferenciais competitivos num mercado de difícil penetração.

Os principais investidores nesta oferta foram a gestora Opportunity, a americana Fidelity e o family office de Pedro Passos, da Natura, a Anima Investimentos. Juntas, essas empresas foram responsáveis por mais de 30% do valor total de investimentos.

De acordo com o prospecto preliminar enviado ao mercado para apresentar a oferta pública, a companhia informa que, até o final de março, contava com uma frota própria de 1.403 equipamentos para locação. Embora detenha apenas 0,5% de participação no seu mercado de atuação, a Armac ressalta que é líder no segmento.

Uma das prioridades da empresa com os recursos angariados, inclusive, é a aquisição de novos equipamentos para a expansão das operações.

Também no prospecto, a companhia afirma que sua receita bruta passou de R$ 27,8 milhões em 2017 para R$123 milhões em 31 de dezembro de 2020.

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

Inscreva-se em nossa newsletter