Empresa

Abrindo a temporada de balanços do setor de construção civil, a incorporadora Trisul reportou lucro líquido de R$ 35 milhões no 1º trimestre, crescimento de 13% sobre o mesmo período do ano anterior. Em relação ao trimestre anterior, houve retração de 37%, contra R$ 55,4 milhões.

Os dados foram divulgados em balanço para os acionistas na última quarta-feira, após o fechamento do mercado financeiro.

Empreendimento Trisu Araçatuba - Foto: Fotógrafo Rio Preto

A receita operacional líquida totalizou R$ 202, 2 milhões, aumento de 18% ante à base comparativa de 2020 – R$ 171,2 milhões. Sobre o último trimestre de 2020, houve queda de 20% no montante obtido – R$ 252,7 milhões.

O Ebtida (lucros antes juros, impostos, depreciação e amortização) contabilizou R$ 46,1 milhões, elevação de 28% sobre os três primeiros meses do ano anterior. Se comparado aos três últimos meses de 2020, o Ebtida teve redução de 30%, contra R$ 65,7 milhões.

O Ebtida ajustado da companhia foi de R$ 49,2 milhões, alta de 26% sobre o 1º trimestre de 2020.

A margem Ebtida ajustada da Trisul no período foi de 24,4%, 1,6% maior do que o índice da mesma base de 2020. Sobre o 4º trimestre do ano anterior, houve desaceleração de 2,8%.

Vendas e VGV

Ao longo do trimestre, a Trisul obteve um aumento de 21% nas vendas brutas ante o 1º trimestre de 2020, totalizando R$ 188,5 milhões. Sobre os três últimos meses de 2020, houve variação negativa de 25%.

Nas vendas líquidas, a incorporadora totalizou um montante de R$ 177,2 milhões, alta de 33% sobre os meses de janeiro, fevereiro e março do ano anterior. E queda de 23% se comparado aos meses de outubro, novembro e dezembro de 2020.

Segundo o balanço da companhia, as entregas feitas pela Trisul somaram R$ 200 milhões no trimestre, com 435 unidades e dois empreendimentos. O VGV (Valor Geral sobre Venda) da empresa ficou em R$ 328,0 milhões, 23% a menos do que o obtido no último trimestre de 2020, com 170 unidades.

Sobre o banco de terrenos da companhia, o landbank da incorporadora totalizou R$ 5,4 bilhões, incluindo 33 terrenos. Em abril, após o final do trimestre, a construtora entregou o empreendimento State Ibirapuera, totalizando um VGV de R$ 94 milhões, em 116 unidades.

Imagem do autor

Repórter do Portal Mais Retorno.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Empresa
Empresa
Empresa
Empresa
Veja mais Ver mais