Última modificação em 21 de janeiro de 2021

O que são Opções Knock Out?

As opções knock out fazem parte de um grupo específico, chamado de opções flexíveis. Sua principal característica está na negociação da própria funcionalidade após já ter atingido certa "barreira" de preços.

Antes de nos aprofundarmos no assunto, é importante que você tenha conhecimento sobre alguns pontos básicos do mercado opções. Já ouviu falar nessa modalidade de investimento?

O mercado de opções é voltado para a negociação do direito de compra e venda. Ou seja, existem os títulos disponíveis no mercado acionário, e os investidores podem negociar o direito de compra e venda e dos mesmos, diretamente pelo home broker da sua corretora.

Esse direito de compra e venda pode ser resumido por operação de put e de call , além de uma série de estratégias como trava de alta, trava de baixa e assim por diante.

Um operação de put garante ao investidor o direito de comprar uma ação pelo valor mínimo determinado, enquanto uma operação de call garante ao investidor comprar a ação pelo valor máximo determinado.

Portanto, veja bem, no mercado de opções as negociações são sobre o direito de exercer determinada ação a um preço mínimo ou máximo, e não sobre a compra e venda da ação em si, como no mercado balcão.

Esses valores são determinados de acordo com a especulação do próprio investidor, baseado nos seus conhecimentos e experiências.

Sendo assim, se acha que o preço de uma ação vai cair, ele compra uma put e garante o direito de ter aquele título por um valor mínimo. Do contrário, se acha que será valorizado, compra uma call e garante o direito de ter o título por um valor máximo. 

Uma característica importante do mercado de opções é que existe prazo de validade: opções americanas, por exemplo, costumam ser exercidas a qualquer momento, enquanto opções europeias são obrigatoriamente exercida no último dia de validade da ação.

Operar no mercado de opções é bem arriscado, pode proporcionar altos lucros ou perdas significativas ao investidor. É preciso experiência!

Agora que você tem uma certa noção de como as coisas funcionas, ficará mais fácil de compreender sobre o funcionamento das opções knock out.

Como as opções Knock Out funcionam?

Conforme dissemos anteriormente, as opções knock out fazem parte de uma categoria chamada "flexível". Ela leva esse nome porque as regras e funcionalidades ficam completamente a critério das partes envolvidas na operação - intermedidas pela corretora de valores.

Não se tratam de contratos padronizados, portanto, podem apresentar funcionalidades específicas como as barreiras knock-in e knock-out.

A barreira knock-in determina que uma ação só terá validade se ultrapassar um valor mínimo estipulado, enquanto a barreira knock-out determina que só terá validade se chegar a um valor máximo estipulado.

Assim como nas operações de put e callknock-in e knock-out funcionam "para menos" e "para mais", respectivamente. Após ultrapassar ou atingir determinada barreira, as partes negociam qual será a funcionalidade da ação.

Existem corretoras de valores que não especializadas nesse tipo de operação. Aliás, elas acontecem com frequência quando se tratam de commodities - produtos de baixo valor que podem servir de matéria prima para outras produções, como alimentos e metais.

Isso porque, como muitos desses produtos podem ser perecíveis ou dependem de fatores externos para se desenvolver, não há como negociar sem que antes ele realmente exista e esteja em boas condições de comercialização.

A Bolsa de Valores deixa bem claro, assim como nós dissemos aqui, que o tamanho do contrato, data de fixing, data de vencimento e liquidação, prazos, preço de liquidação, preço de exercício  e muito mais, é livremente pactuado entre as partes.

Na plataforma da B3 é possível obter mais informações e especificidades sobre a categoria de opções flexíveis, e consequentemente, sobre knock-out.

Termo do dia

CNF – Confederação Nacional das Instituições Financeiras

O que é CNF – Confederação Nacional das Instituições Financeiras? CNF (sigla para Confederação Nacional das Instituições Financeiras) é uma associação de grau superior. Ela congrega outras…