termos

ISO (International Organization for Standardization)

Autor:Equipe Mais Retorno
Data de publicação:30/09/2021 às 08:12 - Atualizado 19 dias atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

O que é ISO (International Organization for Standardization)?

A ISO (Internacional Organizationfor Standardization) é uma organização que foi criada em 1946 e foi sediada em Genebra, na Suíça. Atualmente ela é composta por representantes de 157 países e seu objetivo principal é desenvolver padrões que impulsionem o comércio.  

No Brasil, a representação é feita por meio da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).  

Entre seus conjuntos de normas mais importantes estão as séries: ISO 9000, sobre implantação e funcionamento de sistemas de qualidade nas organizações; ISO 14000, sobre gestão ambiental; e ISO 26000, com diretrizes sobre responsabilidade social. 

A melhoria da qualidade dos produtos e serviços é fundamental na criação dessas normas. Empresas de todos os portes podem adquirir os certificados ISO. Antes, elas necessitam passar por etapas para garantir implementação correta, podendo ser necessário a realização de consultorias, auditorias, etc.  

Qual a importância da ISO?

Com a globalização e o número de empresas em todo o mundo, surgiu a necessidade de serem criadas certificações, que possam assegurar a credibilidade e o comprometimento com a qualidade das empresas ao redor do mundo.  

Ter a certificação do ISO não torna o produto ou serviço melhor, mas traz a segurança para consumidores e até mesmo a segurança na negociação entre diferentes empresas.  

Além de agregar esses benefícios para empresa, ter a certificação pode mudar ainda o ambiente de trabalho e a produtividade dos funcionários. Isso porque ao aderir as normas exigidas, os desperdícios e a diminuição de custos são consideravelmente reduzidos. 

A segurança do trabalho para os colaboradores e a minimização dos riscos à saúde do consumidor também precisam ser revisadas para a conquista do reconhecimento. Tudo isso passa por uma auditoria, investigando se a empresa apresenta os requisitos necessários e se com o passar dos anos eles continuam sendo praticados. 

Quais são as principais Normas ISO?

ISO 9001 

A ISO 9001, como já foi dito, é a mais conhecida de todas as normas, sendo a mais utilizada no mundo. Ela apresenta um Sistema de Gestão da Qualidade que auxilia o gestor a identificar os processos que precisam de correção. Ou seja, na tentativa de melhorar e otimizar os processos das empresas, a ISO 9001 apresenta soluções para o gestor conseguir alcançar melhor satisfação dos clientes.  

Tudo isso começa com uma análise da atual situação da empresa. E com a implementação da ISO 9001, a empresa consegue resultados como: 

  • Produção mais eficaz e eficiente; 
  • Planejamento e controle das rotinas; 
  • Melhora da comunicação e da satisfação dos funcionários; 
  • Aumento das oportunidades e da confiança no mercado; 
  • Melhoria Contínua; 
  • Redução de riscos. 

ISO 14001 

Apesar do mito de que pequenas e médias empresas não precisam dela, a ISO 14001 é muito importante para qualquer empresa que queira implementar um Sistema de Gestão Ambiental. Além disso, a legislação ambiental tem ficado cada vez mais exigente e, para evitar riscos com a legislação, a ISO 14001 oferece uma forma eficaz de planejar, organizar e praticar ações ambientais, podendo integrar-se a outros elementos da gestão empresarial. Algumas das soluções dessa norma são: 

  • Redução do uso de matéria-prima; 
  • Melhoria Contínua de desempenho ambiental e produtividade; 
  • Promoção de conservação dos recursos ambientais; 
  • Retornos a curto, médio e longo prazo - isso tendo em vista que há a redução dos recursos e, consequentemente, dos custos. Mas também pelo fato de que essa norma agrega um grande valor de Responsabilidade Ambiental à empresa que obtém a sua certificação ISO 14001. 

ISO 45001 

A ISO 45001 é uma norma para o Sistema de Gestão de Saúde e Segurança Ocupacional (SGSSO). Nela podemos notar a importância da Saúde e Segurança do Trabalho como um foco de melhoria do desempenho. 

Segundo a própria norma, uma organização é responsável pela saúde e segurança ocupacional dos trabalhadores e outros que podem ser afetados por suas atividades. Esta responsabilidade inclui promover e proteger sua saúde física e mental. 

As principais vantagens da ISO 45001 incluem: 

  • Redução com custos de acidentes trabalhistas; 
  • Estabelecimento de recursos que reduzem os riscos de acidentes; 
  • Redução de prejuízos; 
  • Melhoria contínua da Saúde e Segurança do Trabalho na empresa. 

ISO para pequenas empresas, é possível?  

Muitas pessoas acham que a certificação ISO é possível apenas para empresas de grande e médio porte, porém isso não é verdade. Não existem restrições de tamanho, desde que a empresa cumpra com os requisitos exigidos.  

Dessa forma, todas as organizações podem implementar o uso deste Sistema, possibilitando assim uma melhoria contínua. Podendo ser desde uma padaria até uma empresa multinacional.   

Sobre o autor
Equipe Mais RetornoA Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!