Última modificação em 13 de abril de 2021

O que é a Estratégia Ladder?

A Estratégia Ladder (ou Estratégia da Escada) é uma técnica de investimentos que pode ser aplicada em diversos mercados. Nos Estados Unidos, é bem comum que seja empregada em títulos de renda fixa.

Ela consiste na divisão de um capital de investimento em diversas partes, empregando cada uma delas em um diferente formato de título. Assim, você consegue mesclar prazos de vencimentos, taxas de juros e até mesmo os bancos emissores.

Essa é uma ótima forma de gerenciar riscos e equilibrar uma carteira de investimentos de modo a encontrar um equilíbrio e uma boa diversificação mesmo em títulos de renda fixa, onde o investidor tende a menosprezar a importância de trabalhar com ativos distintos.

Como funciona a Estratégia Ladder?

A Estratégia Ladder funciona, como explicamos, com a divisão do capital em diferentes ativos da renda fixa. Assim, você pode trabalhar com diversos formatos de títulos, sem mudar a categoria do investimento.

Supondo que você tenha, por exemplo, R$20.000 para investir dessa classe de ativos e resolva trabalhar com CDBs (Certificado de Depósito Bancário). Muitos investidores pegariam todo o capital e aportariam no título que escolher. No entanto, estaria totalmente exposto a esse cenário eleito.

Com a Estratégia Ladder, ele poderia dividir esse mesmo capital em quatro partes de R$5.000. Assim, ainda que mantenha todo capital em CDBs, ele pode contar com diferentes taxas de juros, prazos de investimentos e instituições financeiras, diversificando tanto a rentabilidade, como o risco.

E quando vence um título? O que fazer? Bom, neste caso a resposta dependerá dos objetivos do próprio investidor. Se ele precisa do dinheiro para algum pagamento ou nova aquisição, pode utilizá-lo para essa finalidade.

Ao mesmo tempo, o capital ainda poderá ser reinvestido de forma a continuar rendendo para o futuro. É a aplicação do conceito de juros compostos na prática, permitindo um crescimento patrimonial constante.

Existem riscos na renda fixa?

Há um grande engano por parte de alguns investidores de acreditar que a renda fixa não possui riscos. Não é verdade, pois estamos expostos a diversos deles como:

Assim, ao dividir os seus investimentos na modalidade em diferentes tipos de título, você já consegue mitigar um pouco esses riscos. Ou seja, torna o exercício de investir mais seguro e rentável pensando no longo prazo.

Quais são as vantagens da Estratégia Ladder?

Existem inúmeros benefícios para um investidor aplicar a Estratégia Ladder. O primeiro deles, como já mencionamos mais de uma vez, é a diversificação. E ela é a melhor forma de reduzir a exposição aos riscos que mencionamos no tópico anterior.

Além disso, essa divisão de investimentos permite ao investidor buscar melhores rentabilidades. Quanto mais longos os vencimentos, afinal, melhores costumam ser as remunerações.

Ao mesclar diversas datas de vencimento, o investidor pode abrir mão da liquidez em alguns dos títulos, outro fator que melhora a sua rentabilidade, mas sem preocupá-lo sobre necessidades de curto prazo.

Por fim, podemos mencionar ainda como vantagens da Estratégia Ladder a geração de um fluxo de caixa (afinal, temos diversas datas de vencimento disponíveis e algumas podem ser no curto prazo) e a redução do Imposto de Renda para títulos mais longos.

Termo do dia

Capital protegido

O que é capital protegido? Capital protegido é o nome dado a um tipo de operação financeira em que o investidor não tem risco de sair…