Empresa

A Petrobras informou que finalizou a venda da totalidade de sua participação em oito campos terrestres de exploração e produção, denominados Polo Rio Ventura, na Bahia, para a 3R Rio Ventura S.A., subsidiária integral da 3R Petroleum.

Foto: Landulpho Alves / Agência Brasil
Petroleira finaliza venda do Polo Rio Ventura para a 3R Petroleum - Foto: Petrobras/Landulpho Alves

A operação foi concluída com o pagamento de US$ 33,9 milhões para a Petrobras, já com os ajustes previstos no contrato.

Segundo a companhia, o valor recebido no fechamento se soma a US$ 3,8 milhões pagos à Petrobras na assinatura do contrato.

A Petrobras ainda receberá parcelas, sujeitas a ajustes, de US$ 16 milhões em trinta meses; e US$ 43,2 milhões de pagamentos contingentes relacionados a preços futuros do petróleo.

Pagamento parcelado

De acordo com a 3R Petroleum, os pagamentos contingentes se dividem em duas parcelas de US$ 21,6 milhões, a serem pagas caso o petróleo tipo Brent alcance uma média móvel igual ou superior a US$ 48 e US$ 58 por barril, respectivamente, em 12 meses, a qualquer tempo a partir da conclusão da aquisição do ativo.

O valor total de aquisição foi de US$ 94,2 milhões, sem considerar eventuais ajustes e correções do preço na forma do contrato.

A produção média do Polo Rio Ventura no primeiro semestre de 2021 foi de aproximadamente 780 barris de óleo por dia (bpd) e 40,8 mil m³/dia de gás natural. A 3R Petroleum assumirá a partir de amanhã as operações dos campos.

Coparticipação

Neste mês, a petroleira assinou acordo de coparticipação de Itapu com a Pré-sal Petróleo S.A. (PPSA). O acordo regulará a coexistência de Cessão Onerosa e partilha de produção do excedente para o campo de Itapu, no pré-sal da Bacia de Santos, informou a estatal por meio de fato relevante.

As negociações foram iniciadas logo após a licitação, ocorrida em 6 de novembro de 2019, quando a Petrobras adquiriu 100% dos direitos de exploração e produção do volume excedente da Cessão Onerosa do campo de Itapu.

Em conjunto, Petrobras e PPSA definiram o Plano de Desenvolvimento do campo, estimativas de curva de produção e volumes recuperáveis. / com Agência Estado

Imagem do autor

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Visualizar Comentários

Empresa
Empresa
Empresa
Empresa
Veja mais Ver mais