Logo Mais Retorno
Finanças Pessoais

Confira 10 livros sobre finanças para presentear neste fim de ano

As dicas da Mais Retorno, vão dos clássicos às opções com temas atuais

Data de publicação:21/12/2021 às 07:00 -
Atualizado 6 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

Mais um fim de ano chegou e, com ele, a época das festas e presentes de Natal. Dos amigos secretos nas celebrações do trabalho às lembranças para um ente próximo, é comum surgir a dúvida do que escolher para presentear as pessoas. Se você quer agradar uma pessoa que já tem interesse pelo mundo dos investimentos ou, até mesmo, quer dar um empurrãozinho para incentivar alguém a cuidar bem do dinheiro e começar a investir, uma boa opção são os livros de finanças.

Pensando nisso, a Mais Retorno preparou uma lista de livros sobre investimentos, economia e finanças pessoais para te ajudar na hora de comprar seus presentes de fim de ano.

livros de finanças
Foto: Reprodução

Por que presentar com livros de finanças?

Alguns dos nomes mais bem-sucedidos do mundo, como o megainvestidor Warren Buffet, Bill Gates e Oprah Winfrey já revelaram em diversas oportunidades que a leitura é um hábito que faz parte de suas rotinas, seja para conhecer mais sobre algum assunto ou para aprender com a experiência de outras pessoas.

Dentro do universo de finanças, há diversos subtemas que são abordados nas centenas de livros já publicados no Brasil e no mundo. De como abordar a educação financeira com as crianças para que elas desenvolvam hábitos saudáveis à dicas para casais que compartilham objetivos e dinheiro, os livros de finanças podem ser uma boa opção de presente para diferentes perfis de leitor.

Os clássicos livros de finanças

A jogada do século

a jogada do século livros de finanças
Foto: Reprodução Amazon

O livro A jogada do século é um dos maiores clássicos das finanças desde que foi lançado, em 2015. O tema central da história é a crise do subprime, que teve início em 2008, e levou a uma das maiores crises financeiras já vistas no mundo.

A obra, escrita por Michael Lewis - que é considerado um dos principais escritores de economia da atualidade, serviu de inspiração para o filme A grande aposta, indicado para diversas categorias no Globo de Ouro de 2016 e para o Oscar, maior premiação do cinema norte-americano.

"Michael Lewis constrói uma crônica muito bem articulada sobre como o colapso financeiro de 2008 se desenrolou, passo a passo, além de revelar os principais personagens de Wall Street envolvidos na crise, tudo permeado de um humor ácido, em uma narrativa instigante".

Sinopse do livro A jogada do século

O investidor inteligente

o investidor inteligente livros de finanças
Foto: Reprodução Amazon

Considerado por Warren Buffet, o maior investidor pessoa física da atualidade, como sendo "de longe, o melhor livro sobre investimentos já escrito", a obra de Benjamin Graham é tida como a "Bíblia do mercado de ações" desde sua primeira edição há mais de 70 anos, em 1949.

O livro contem ensinamentos de Graham, que é considerado até hoje como o mais importante consultor de investimentos do século XX, e apresenta o conceito de "valor de investimento". Especialistas explicam que as ideias contidas no livro protegem os investidores de "erros substanciais" e ensina a como desenvolver estratégias de investimentos de longo prazo.

"Neste livro, um best-seller com mais de um milhão de exemplares vendidos, Benjamin Graham nos mostra que todo investidor inteligente deve combinar educação financeira, pleno conhecimento de mercado e, acima de tudo, uma visão de longo prazo. Essas são ferramentas fundamentais e de grande valia para quem deseja ter sucesso no mercado de ações."

Raymundo Magliano Filho, ex-presidente da Bovespa

O homem mais rico da Babilônia

O homem mais rico da Babilônia livros de finanças
Foto: Reprodução Amazon

O homem mais rico da Babilônia, de George S. Classon, é um best-seller com mais de dois milhões de exemplares vendidos ao redor do mundo. Segundo a definição da sinopse do livro, a obra é "um clássico sobre como multiplicar riqueza e solucionar problemas financeiros".

"Baseando-se nos segredos de sucesso dos antigos babilônicos - os habitantes da cidade mais rica e próspera de seu tempo -, George S. Clason mostra soluções ao mesmo tempo sábias e muito atuais para evitar a falta de dinheiro, como não desperdiçar recursos durante tempos de opulência, buscar conhecimento e informação em vez de apenas lucro, assegurar uma renda para o futuro, manter a pontualidade no pagamento de dívidas e, sobretudo, cultivar as próprias aptidões, tornando-se cada vez mais habilidoso e consciente".

Sinopse do livro O homem mais rico da Babilônia

Pai rico, pai pobre

Pai rico, pai pobre
Foto: Reprodução Amazon

Há mais de 20 anos, o best-seller Pai rico, pai pobre, de Robert Kiyosaki, é o mais popular entre os livros de finanças em todo o mundo. Na obra, o autor fala sobre como o sistema educacional é, na maioria das vezes, falho para ensinar sobre educação financeira - além de instruir pais e filhos a como lidar, juntos, com o dinheiro, as finanças pessoais.

"A principal razão pela qual as pessoas têm problemas financeiros é que passaram anos na escola, mas não aprenderam nada sobre dinheiro. O resultado é que elas aprendem a trabalhar por dinheiro... mas nunca a fazê-lo trabalhar por elas".

Robert Kiyosaki

Os segredos da mente milionária

Os segredos da mente milionária livros de finanças
Foto: Reprodução Amazon

O objetivo do livro escrito por Harv Eker é ensinar o leitor a como enriquecer mudando seus conceitos sobre dinheiro e adotando os mesmos hábitos financeiros que aqueles observados em pessoas bem-sucedidas.

De acordo com o autor, existe um conjunto de crenças que cada pessoa desenvolve desde a primeira infância e são essas ideias que desenham o "destino financeiro" de cada um. No livro, o autor aborda 17 modos de pensar e agir que podem ajudar a substituir uma "mentalidade destrutiva" em relação ao dinheiro.

Outros livros de finanças

Conversas com gestores de ações brasileiros

Conversas com gestores de ações brasileiros livros de finanças
Foto: Reprodução Amazon

O livro escrito pela especialista em fundos de investimento Luciana Seabra, que tem como complemento do título "A fórmula dos grandes investidores para ganhar dinheiro em bolsa", fala sobre a visão técnica e a filosofia por trás dos investidores profissionais que mais lucraram com a Bolsa de Valores.

A obra reúne 18 entrevistas, tratadas pela autora como "conversas descontraídas", com investidores que, juntos, possuem cerca de R$ 50 bilhões alocados em ativos de companhias brasileiras listadas na B3. Entre os entrevistados estão os sócios da Verde Asset, SPX Capital, BTG Pactual e Dynamo.

"Aqui, o leitor vai encontrar experiências e conselhos valiosos revelados por gente como você, mas que fez muito dinheiro em bolsa. Ao aproximar gestores de ações renomados de investidores pessoas físicas, podemos reduzir esse fosso que separa profissionais de amadores, informados de desinformados".

Sinopse do livro Conversas com gestores de ações brasileiros

Casais inteligentes investem juntos

Casais inteligentes investem juntos livros de finanças
Foto: Reprodução Amazon

Uma boa opção para presentear seu cônjuge ou algum casal amigo, nesta obra o autor Gustavo Cerbasi aborda temas relacionados ao universo das finanças dentro de um relacionamento, afim de ajudar os casais a evitarem desentendimentos por um dos temas mais recorrentes entre as discussões: dinheiro. O livro, que é considerado um best-seller, já vendeu mais de um milhão de cópias e inspirou o filme Até que a sorte nos separe.

De acordo com a sinopse de Casais inteligentes investem juntos, entre os principais tópicos abordados pelo livro estão:

  • Os benefícios de um planejamento financeiro de longo prazo;
  • Crises financeiras do relacionamento;
  • Vida a dois: até que ponto juntar tudo;
  • Quando comprar a casa;
  • Planos de previdência e seguros;
  • A educação financeira dos filhos;
  • Como lidar com a herança.

Gustavo Cerbasi é um consultor financeiro e administrador de empresas. Para ele, a "raiz dos problemas" dos casais quando o assunto são as finanças é a falta de conversa dobre dinheiro. "Em geral, só se fala sobre o assunto quando a bomba já estourou. E por não discutir a questão a dois, a maioria acaba deixando de fazer um orçamento realista, de guardar dinheiro para atingir suas metas e de se planejar para manter um bom padrão de vida no futuro".

Além dos livros de finanças: leituras sobre economia

Blockchain Revolution

Blockchain Revolution
Foto: Reprodução Amazon

Em 2021, muito se falou sobre o bitcoin e a ascensão de outras criptomoedas. Além do lançamento de diversos produtos de investimentos focados no mercado de cripto, vale destacar também os passos que diversas empresas gigantes estão dando na direção da revolução digital - como é o caso da Meta, antigo Facebook, que está investindo no metaverso.

Pensando nisso, nessa lista de livros sobre economia, não podia faltar uma recomendação que aborde o futuro das relações humanas com as finanças. Como o próprio complemento do título explica, o livro de Don e Alex Tapscott, Blockchain Revolution, fala sobre como a tecnologia por trás do bitcoin está mudando o dinheiro, os negócios e o mundo.

"A primeira geração da revolução digital nos trouxe a internet da informação. A segunda geração - impulsionada pela tecnologia do Blockchain - está nos trazendo a internet do valor: uma nova plataforma distribuída que pode nos ajudar a remodelar o mundo dos negócios e a transformar a velha ordem dos assuntos humanos para melhor".

Sinopse do livro Blockchain Revolution

As transições e os choques

As transições e os choques
Foto: Reprodução Amazon

O livro As transições e os choques, escrito por Martin Wolf e publicado em 2015, traça o cenário que levou os Estados Unidos a passarem pela crise financeira de 2008 e, mais do que contar a história do colapso econômico, explica quais os efeitos da crise sobre a economia contemporânea.

Para o autor, novas crises econômicas estão por vir porque o mundo pós 2008 não investiu em reformas estruturais que evitem novos colapsos. Além disso, Wolf considera que as constantes mudanças políticas na Europa fazem do continente um ambiente instável.

"As transições e os choques é uma excelente investigação sobre como chegamos ao lamentável estado de coisas atual. As propostas de Wolf para melhorar a situação são valiosas e admiráveis".

Paul Krugman

A riqueza das nações

A riqueza das nações
Foto: Reprodução Amazon

O livro A riqueza das nações, publicado pela primeira vez em 1776, é a obra mais conhecida do filósofo e economista Adam Smith e, até hoje, é uma das mais famosas e importantes leituras sobre economia do mundo.

"A riqueza das nações é considerada a obra fundadora da ciência econômica. Escrito no século XVIII, o clássico de Adam Smith gerou uma série de mudanças nas políticas econômicas. O livro aborda temas como o acúmulo de riqueza, divisão do trabalho, sistemas de economia, e até hoje é grande referência entre os estudiosos de todo o mundo".

Sinopse do livro A riqueza das nações

Os livros de finanças favoritos da redação da Mais Retorno

LivroAutorTemaQuem indicou
História da riqueza no BrasilJorge CaldeiraEconomia brasileiraBruna Miato
Freakonomics: o lado oculto e inesperado de tudo que nos afetaStephen J. Dubner
Steven Levitt
Economia aplicada ao cotidianoJúlia Zilig
Era da incertezaJohn Kenneth GalbraithEconomia globalRegina Pitoscia
Civilização material, Economia e CapitalismoFernand BraudelTrilogia de introdução à história econômica mundialRenato Jakitas
Cartas a um jovem investidorGustavo CerbasiInvestimentos Tom Morooka
Fonte: Mais Retorno
Sobre o autor
Bruna Miato
Repórter na Mais Retorno