Logo Mais Retorno
Economia

Inflação nos EUA sobe 0,9% em outubro ante setembro

O núcleo do CPI, que exclui alimentos e energia, avançou 0,6% na comparação mensal

Data de publicação:10/11/2021 às 11:34 -
Atualizado 8 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) dos Estados Unidos, que representa a inflação do país, subiu 0,9% em outubro ante setembro, segundo dados com ajustes sazonais publicados nesta quarta-feira, 10, pelo Departamento do Trabalho. O resultado veio bem acima da mediana das previsões de analistas consultados pelo Projeções Broadcast, de alta de 0,6%.

Foto: Envato inflação
O Índice de Preços ao Consumidor (CPI) subiu 0,9% em outubro ante setembro nos EUA

Apenas o núcleo do CPI, que exclui os voláteis preços de alimentos e energia, avançou 0,6% na comparação mensal de outubro, também superando o consenso do mercado, de ganho de 0,4%.

Na comparação anual, o CPI dos EUA teve alta de 6,2% em outubro, acima da projeção de alta de 5,9%. O núcleo teve incremento de 4,6%, o maior desde 1991, superando o avanço esperado de 4,3%.

O Federal Reserve, ou Fed, como é conhecido o banco central norte-americano, busca meta de inflação de 2%.

Desemprego nos Estados Unidos

Mais cedo, o Departamento do Trabalho já havia informado que o número de pedidos de auxílio-desemprego nos EUA teve redução de 4 mil na semana encerrada em 6 de novembro, a 267 mil, com base em dados com ajustes sazonais. O resultado ficou acima da expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam 265 mil solicitações.

O total de pedidos da semana anterior foi ligeiramente revisado para cima, de 269 mil para 271 mil.

Já o número de pedidos continuados apresentou alta de 59 mil na semana encerrada em 30 de outubro, a 2,16 milhões. Esse indicador é divulgado com uma semana de atraso. / Agência Estado

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!