Logo Mais Retorno
fundos de renda fixa
Fundos de Investimentos

Fundos continuam com fortes saídas: em maio foram de R$ 47,2 milhões, diz Anbima

Os fundos de renda fixa foram os que tiveram maior sangria, de R$ 29,6 bilhões, especialmente os de patrimônio mais líquido

Data de publicação:09/06/2023 às 08:00 -
Atualizado 8 meses atrás
Compartilhe:

A saída liquida nos fundos de investimento ficou em R$ 47,2 milhões em maio, segundo a Anbima, Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais.

Com isso, no acumulado do ano, o setor apresenta saldo negativo de R$ 158,9 milhões. Mas ainda assim, o patrimônio líquido da indústria atingiu a marca de R$ 7,6 trilhões, e a performance dos fundos foi majoritariamente positiva no mês.

ações
Só fundos de previdência registraram captação líquida positiva no mês - Foto: Reprodução

Renda Fixa

Os fundos de renda fixa foram os que mais registraram mais retiradas, apresentando um total líquido de R$ 29,6 bilhões no mês. Os tipos com os maiores patrimônios líquidos apresentaram os piores resultados.

O renda fixa duração baixa grau de investimento teve resgates líquidos de R$ 11 bilhões; seguido pelo renda fixa duração livre grau de investimento, com R$ 6,8 bilhões; e o renda fixa duração baixa soberano, com R$ 6,8 bilhões.

Os FIDCs (Fundos de Investimento em Direitos Creditórios) também fecharam maio com saldo negativo de R$ 13,3 bilhões. O resultado foi influenciado pelo tipo FIDC agro, indústria e comércio, que ficou R$ 13,2 bilhões no vermelho após um resgate concentrado em um único fundo. 

Renda variável

Os fundos de ações e os multimercado continuaram a registrar saídas líquidas, desta vez de R$ 5,1 bilhões e R$ 2,3 bilhões, respectivamente.

Os dados divulgados pela mostram que os únicos fundos a apresentarem captação líquida positiva em maio foram os fundos de previdência, com R$ 1 bilhão; os ETFs (Exchange Traded Funds), com R$ 1,8 bilhão; e os FIPs (Fundos de Investimento em Participações), com R$ 700 milhões.
 

Rentabilidade

Todos os tipos de fundos de ações tiveram performance positiva em maio. O tipo ações livre, que tem o maior patrimônio líquido da classe, apresentou retorno de 6,76%. O melhor resultado foi o tipo ações setoriais, com valorização de 21,02% no mês.

No caso dos fundos de renda fixa, todos os tipos tiveram rentabilidade positiva, exceto o tipo renda fixa investimento no exterior, que recuou 2,39%. 

Os tipos multimercados investimento no exterior e multimercados livre, que têm os maiores patrimônios líquidos da classe, valorizaram 2,17% e 1,31% respectivamente. 

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

® Mais Retorno. Todos os direitos reservados.

O portal maisretorno.com (o "Portal") é de propriedade da MR Educação & Tecnologia Ltda. (CNPJ/MF nº 28.373.825/0001-70) ("Mais Retorno"). As informações disponibilizadas na ferramenta de fundos da Mais Retorno não configuram um relatório de análise ou qualquer tipo de recomendação e foram obtidas a partir de fontes públicas como a CVM. Rentabilidade passada não representa garantia de resultados futuros e apesar do cuidado na coleta e manuseio das informações, elas não foram conferidas individualmente. As informações são enviadas pelos próprios gestores aos órgãos reguladores e podem haver divergências pontuais e atraso em determinadas atualizações. Alguns cálculos e bases de dados podem não ser perfeitamente aplicáveis a cenários reais, seja por simplificações, arredondamentos ou aproximações, seja por não aplicação de todas as variáveis envolvidas no investimento real como todos os custos, timming e disponibilidade do investimento em diferentes janelas temporais. A Mais Retorno, seus sócios, administradores, representantes legais e funcionários não garantem sua exatidão, atualização, precisão, adequação, integridade ou veracidade, tampouco se responsabilizam pela publicação acidental de dados incorretos.
É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos, ilustrações ou qualquer outro conteúdo deste site por qualquer meio sem a prévia autorização de seu autor/criador ou do administrador, conforme LEI Nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998.
® Mais Retorno / Todos os direitos reservados