Empresa

Fleury adquire laboratórios do Espírito Santo

Rede incorporou os laboratórios Pretti e Bioclínico para inaugurar sua atuação no Estado

Data de publicação:02/06/2021 às 12:21 - Atualizado 6 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

O Fleury, por meio da subsidiária Fleury Centro de Procedimentos Médicos Avançados, adquiriu 100% das quotas de emissão do Laboratório Pretti e do Laboratório Bioclínico.

Foto: Fleury/Reprodução
Área de atendimento de uma das unidades do laboratório Fleury - Foto: Fleury / Reprodução

A receita bruta auditada do Pretti atingiu R$ 53,6 milhões em 2020 e a empresa foi avaliada (enterprise value) para fins da transação por R$ 193,1 milhões. Já o Bioclínico teve receita bruta de R$ 42 milhões no ano passado e o valor para fins da transação foi de R$ 122 milhões.

De acordo com comunicado, "as duas aquisições marcam a entrada do Fleury no Estado do Espírito Santo e representam mais um movimento estratégico da companhia, expandindo sua capilaridade nacional e complementando ainda mais sua oferta na região sudeste do País".

A conclusão das transações está condicionada à satisfação ou renúncia de determinadas condições precedentes, conforme previstas em cada um dos respectivos contratos, informou a companhia.

Com estas duas aquisições, o Fleury superou o patamar de R$ 1 bilhão investidos em aquisições nos últimos cinco anos - em que adquiriu 12 empresas que, juntas, somam mais de 125 unidades de atendimento e mais de R$ 500 milhões em receitas anuais, além de realizar os investimentos na Prontmed, Bem.Care, e Sweetch.

Lucro no trimestre

Fleury obteve um lucro líquido de R$ 118,6 milhões no primeiro trimestre de 2021, alta de 102,0% ante o mesmo trimestre de 2020.

A receita líquida da companhia nos três primeiros meses deste ano foi de R$ 893,8 milhões, 25,2% maior do que o montante registrado em janeiro, fevereiro e março de 2020, de R$ 713,9 milhões.

Já a receita bruta atingiu o segundo maior nível histórico da empresa no trimestre, totalizando R$ 964,3 milhões, crescimento de 25,1% ante o 1º trimestre de 2020.

O Ebtida  (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de R$ 285,5 milhões, alta de 45,7% sobre o mesmo período do ano anterior. A margem do Ebtida foi de 31,9%.

A geração de caixa operacional da companhia atingiu R$ 199,2 milhões no primeiro trimestre de 2021, alta de 52,2% ante a mesma base de comparação de 2020. / com Agência Estado

Sobre o autor
Mais Retorno
Mais RetornoA Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!