Logo Mais Retorno
Bolsa
Economia

Fed iniciará tapering, com redução mensal de US$ 15 bi nas compras de ativos

A redução no programa de compra de ativos, conhecido como tapering, deve começar no final deste mês, de acordo com o Federal Reserve

Data de publicação:03/11/2021 às 16:53 -
Atualizado 2 anos atrás
Compartilhe:

O Federal Reserve (Fed) anunciou que irá iniciar a redução do volume de compra de ativos, conhecido como tapering, ainda neste mês. Este é o primeiro passo do banco central americano para a redução do estímulo econômico imposto como resposta à pandemia da covid-19. A decisão foi informada nesta quarta-feira, 3, após reunião do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês).

Atualmente, as compras mensais são de US$ 120 bilhões em ativos, sendo US$ 80 bilhões em Treasuries e US$ 40 milhões em títulos atrelados a hipotecas. Ainda neste mês, o Fed irá começar a reduzir o ritmo mensal das compras em US$ 10 bilhões para Treasuries e US$ 5 bilhões para os títulos atrelados a hipotecas (MBS, na sigla em inglês).

Créditp: Stefan Fussan fed tapering
Washington D.C. - Federal Reserve | Foto: Stefan Fussan

De acordo com documento, também em novembro, o Fomc irá aumentar sua carteira de Treasuries em pelo menos US$ 70 bilhões por mês e de títulos atrelados a hipotecas em ao menos US$ 35 bilhões mensais. A partir de dezembro, o aumento será de ao menos US$ 60 bilhões e US$ 30 bilhões mensais, respectivamente.

Em nota, o Fed afirma que o Comitê julga que cortes similares no ritmo de compras de ativos líquidos provavelmente serão apropriados mês a mês, mas que está preparado para ajustar o ritmo da compra de ativos de acordo com as mudanças nas perspectivas econômicas.

"As compras e detenções de títulos em curso pelo Federal Reserve continuarão a promover o funcionamento regular do mercado e condições financeiras acomodatícias, apoiando assim o fluxo de crédito para famílias e empresas", garantem os dirigentes.

A expectativa é que uma política acomodatícia seja mantida até que metas de inflação e emprego sejam atingidas. Caso surjam imprevistos que possam impedir o cumprimento de seus objetivos, o Fomc diz estar pronto para fazer ajustes. / Agência Estado

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

® Mais Retorno. Todos os direitos reservados.

O portal maisretorno.com (o "Portal") é de propriedade da MR Educação & Tecnologia Ltda. (CNPJ/MF nº 28.373.825/0001-70) ("Mais Retorno"). As informações disponibilizadas na ferramenta de fundos da Mais Retorno não configuram um relatório de análise ou qualquer tipo de recomendação e foram obtidas a partir de fontes públicas como a CVM. Rentabilidade passada não representa garantia de resultados futuros e apesar do cuidado na coleta e manuseio das informações, elas não foram conferidas individualmente. As informações são enviadas pelos próprios gestores aos órgãos reguladores e podem haver divergências pontuais e atraso em determinadas atualizações. Alguns cálculos e bases de dados podem não ser perfeitamente aplicáveis a cenários reais, seja por simplificações, arredondamentos ou aproximações, seja por não aplicação de todas as variáveis envolvidas no investimento real como todos os custos, timming e disponibilidade do investimento em diferentes janelas temporais. A Mais Retorno, seus sócios, administradores, representantes legais e funcionários não garantem sua exatidão, atualização, precisão, adequação, integridade ou veracidade, tampouco se responsabilizam pela publicação acidental de dados incorretos.
É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos, ilustrações ou qualquer outro conteúdo deste site por qualquer meio sem a prévia autorização de seu autor/criador ou do administrador, conforme LEI Nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998.
® Mais Retorno / Todos os direitos reservados