Mercado Financeiro

Você já ouviu falar sobre a Alphabet? Ainda que o nome não seja tão popular no Brasil, certamente você já usou algum dos seus produtos. Isso porque essa companhia é dona do Google, um dos maiores buscadores do mundo, recebendo mais de um trilhão de pesquisas diárias em sua plataforma.

Diante do tamanho e do status alcançado pela marca Google, será que ainda vale a pena investir na Alphabet? A ideia do artigo de hoje é apresentar um pouco mais sobre esse negócio que, apesar do crescimento constante ao longo dos últimos anos, talvez ainda esteja longe do potencial máximo que pode alcançar.

Quem é a Alphabet?

Se esse é um nome completamente novo para você, saiba que a Alphabet é uma holding criada no ano de 2015 justamente para abraçar todos os produtos e serviços relacionados ao Google.

Para quem não é um grande fã do segmento de tecnologia, isso pode soar estranho. No entanto, vale lembrar que o pacote de serviços que a empresa oferece vai muito além de um simples mecanismo de busca. Veja abaixo apenas alguns exemplos que você mesmo pode consumir na sua rotina sem perceber:

E essa é apenas uma pequena amostra de tudo que pertence ao negócio do Google. Foi justamente por conta dessa diversidade que Larry Page e Sergey Brin resolveram criar a Alphabet.

O seu nome é uma associação com as letras do alfabeto, uma das imagens que podem ser diretamente associadas ao gigantesco mecanismo de buscas Google. No entanto, também é um trocadilho com "alpha-bet", isto é, uma "aposta com alfa". No mercado financeiro, "alfa" é a expressão utilizada para explicar ganhos acima da média do mercado.

Por que foi criada?

A criação de uma holding pode gerar dúvidas para o investidor mais distante do universo do empreendedorismo. Se o Google é uma empresa tão forte e consolidada, por que criar uma holding?

Segundo os próprios fundadores, o objetivo era melhorar a organização da companhia e dos seus respectivos produtos, gerando maior autonomia para cada segmento do negócio. Veja o que escreveu Larry Page, um dos seus fundadores, no Blog da empresa em meio ao lançamento da Alphabet:

Fundamentalmente, acreditamos que isso nos permite mais habilidade de administração, já que passamos a comandar coisas que não têm tanta relação de forma independente.

Portanto, o objetivo estava no melhor gerenciamento dos produtos do Google. Com o passar do tempo, afinal, nem todos possuíam uma relação direta com os serviços prestados na internet, algo que tornou a Alphabet uma solução para melhorar a direção dessas marcas.

Como é sua estrutura?

A grande reformulação promovida com o lançamento da Alphabet como holding do Google estava na estrutura da companhia. Anteriormente, todos os seus produtos e serviços estavam dentro da Google Inc., sem uma estratificação por tipo de negócio.

Com o lançamento da Alphabet, essa estrutura passou por uma revisão, dividindo-se em diferentes áreas. Veja algumas das principais:

Além dessas áreas, a Alphabet ainda possui dois departamentos (Google Capital e Google Ventures) que são responsáveis por centralizar os investimentos externos da companhia. Essas áreas têm a missão de investir e desenvolver startups, novos negócios e projetos inovadores.

Como eu posso investir na Alphabet?

Assim como muitas empresas de tecnologia, a Alphabet possui capital aberto na Bolsa de Nasdaq, permitindo aos investidores a alocação do seu capital na companhia com o intuito de explorar o seu crescimento de longo prazo.

Para quem tem acesso às bolsas americanas, as ações da empresa são negociadas de duas maneiras diferentes. Os tickers utilizados são os seguintes:

Já se você não tem acesso direto ao mercado de ações americano, a alternativa está na negociação do BDR (Brazilian Depositary Receipt). Esse é um produto que funciona como um certificado de depósito. Na prática, ele vai apresentar o mesmo comportamento das ações da Alphabet, mas sem precisar investir nelas diretamente.

Se essa é uma solução para o seu perfil, o ticker de negociação do BDR da Alphabet na B3, que é a nossa bolsa de valores, é o GOGL34. Importante mencionar que, ao investir no Google por meio do BDR, você também terá exposição cambial. Ou seja, além das movimentações da própria ação, o seu capital sofrerá com as variações (positivas e negativas) do dólar.

Aproveite para conhecer seu perfil de investidor (a) e avaliar se está disposta (a) à correr mais riscos ou não em sua carteira de investimentos. Nosso teste é exclusivo e 100% gratuito. Clique aqui para acessar.

A Alphabet como um país...

Uma boa forma de dimensionar a força da Alphabet é colocá-la frente a frente com países. Isso mesmo que você acabou de ler: o faturamento da companhia é superior ao PIB de muitas nações.

Apenas como exemplo, durante o primeiro trimestre de 2021, a empresa atingiu um faturamento superior a 55 bilhões de dólares. Quantas empresas no mundo possuem números tão expressivos?

No entanto, o dado que realmente chama a atenção é o valor de mercado da Alphabet, algo que obtemos multiplicando o preço das suas ações pela quantidade total emitida. Em maio de 2021, a companhia apresentava um valor de mercado superior a 1,5 trilhões de dólares.

Se a Alphabet fosse um país, essa quantia seria suficiente para classificá-la como o décimo primeiro maior PIB do planeta, atrás apenas de Estados Unidos, China, Japão, Alemanha, Reino Unido, Índia, França, Itália, Canadá e Coréia do Sul — e vencendo outras nações importantes da economia global como Rússia, Brasil, Austrália e Espanha.

Os números são fantásticos, assim como a tendência para o futuro da companhia. Com departamentos específicos para o desenvolvimento de novas ferramentas e tecnologias, podemos esperar resultados fortes da Alphabet ao longo dos próximos anos.

Imagem do autor

Formado em Administração pela PUC-SP. Trabalhou em empresas do segmento financeiro (Itaú BBA) e varejo (BRMALLS) até 2016, quando iniciou a jornada de produção de conteúdo para a internet com foco em finanças.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Visualizar Comentários

Mercado Financeiro
Mercado Financeiro
Mercado Financeiro
Mercado Financeiro
Veja mais Ver mais