Empresa

A Bridgestone anunciou nesta quarta-feira que vai investir mais de R$ 700 milhões para modernizar e ampliar em 20% a capacidade de produção de pneus na fábrica de Camaçari, na Bahia. Segundo a empresa, os trabalhos de expansão começam no quarto trimestre, abrindo 420 novas vagas de emprego na região, entre fixas e temporárias.

O projeto da planta prevê um aumento na produção anual de 3,5 milhões para 4,3 milhões de pneus, com novas tecnologias de fabricação e aplicação de conceitos da indústria 4.0. A companhia informou que a unidade da Bridgestone em Camaçari se prepara para o crescimento da demanda por  veículos elétricos, híbridos e sustentáveis – e os pneus de alto desempenho para equipá-los.

Mesmo com os fornecedores produzindo a plena carga, os pneus foram um dos itens nos quais as montadoras tiveram dificuldade de abastecimento na arrancada da produção após a parada das fábricas no primeiro choque da pandemia.

Na Bahia, a Bridgestone produz pneus para carros de passeio, caminhonetes e picapes. Com o avanço da agenda ESG (sigla em inglês para questões ambientais, sociais e de governança), esse novo investimento faz parte do plano estratégico de negócios de médio e longo prazo anunciado pelo Grupo Bridgestone em fevereiro deste ano. A iniciativa quer "tornar a companhia uma líder em soluções sustentáveis até 2050, proporcionando valor social e para o cliente".

Inaugurada em 2006, a planta da Bridgestone na Bahia emprega mais de 900 colaboradores diretos e 400 indiretos. A empresa também conta com outra fábrica de pneus, em Santo André (SP), e duas fábricas de bandas de rodagem Bandag, em Campinas (SP) e Mafra (SC).Desde a inauguração, mais de R$ 1 bilhão foram investidos pela multinacional de origem japonesa na ampliação da unidade./Agência Estado

Imagem do autor

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Empresa
Empresa
Empresa
Empresa
Veja mais Ver mais