Logo Mais Retorno
Mercado Financeiro

Bolsa sobe 1,98% com Fomc e trégua na alta das commodities; dólar cai 1,27%

Sem surpresas, mercado absorveu com tranquilidade ajuste 0,25 pp no juro americano

Data de publicação:16/03/2022 às 18:34 -
Atualizado 2 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

A Bolsa de Valores de São Paulo, a B3, fechou com alta de 1,98%, aos 111.112, após a confirmação do ajuste de 0,25 ponto porcentual na taxa dos Fed Funds, a taxa de juros americana, e também pela fala do presidente do banco central dos Estados Unidos, Jerome Powell. Já o dólar, na contramão, fechou em queda de 1,27%, comercializado a R$ 5,09

bolsa
Foto: Envato

O ajuste já previsto e precificado e, principalmente, sinalizado pelo Federal Reserve foi bem recebido pelo mercado. Outro recado importante foi de que novos aumentos vão ocorrer nas demais reuniões do ano. Segundo Victor Hugo Israel, especialista em Renda Variável da Blue3, essa é a primeira alta desde 2018, a taxa deve chegar no fim do ciclo de alta chegando a 1,9%. E isso pelo número de criação de vagas de empregos que ainda é bastante forte por lá, explica o especialista.

As bolsas americanas fecharam com forte alta: Dow Jones, de 1,55%; S&P 500, de 2,24%, e a Nasdaq, de 0,98%.

O recuo nos preços das commodities, dando uma trégua de pressão sobre a inflação, também foi fator positivo para os mercados de ações. O petróleo caiu 0,14%, ainda influenciado por três fatores, segundo Isarael: menor demanda chinesa em virtude de novos focos de covid-19 na China, com paralisação de algumas atividades econômicas; avanço diplomático nas atratativas en Rússia e Ucrânia, e o aumento de estoques americanos do produto.

No mercado doméstico, muitos papéis que foram castigados nos últimos dias com a perspetica de alta da inflação e alta dos juros futuros, reagiram bem nesta quarta-feira. Papeis de Banco Inter (BIDI11+9,94%) e Magalu (+5,34%) e Locaweb (LWSA +10,33%) tiveram altas expressivas. O destaque mesmo fico com CVC que apresentou resultados robustos na véspera e fechou com alta de 15,15%.

Sobre o autor
Regina Pitoscia
Editora do Portal Mais Retorno.