Open Nav Logo Mais Retorno

Administrador de Carteira

O que é um administrador de carteira?

No mundo dos investimentos, administrador de carteira é o responsável por fazer a gestão profissional do capital de um investidor. Ao ser contratado, ele tem liberdade para comprar e vender ativos, formando a carteira de investimentos de quem contratou o serviço.

O nome carteira é dado para a composição desse capital. Isto é, pelo portfólio ou, de maneira mais objetiva, pelos ativos financeiros escolhidos para sua composição. Essa escolha é feita pelo administrador de carteira que nada mais é do quem analisa, administra e toma decisões sobre o capital.

Essa função é fundamental dentro de uma tomada de decisão e apresenta como grande vantagem ao investidor a tranquilidade de transferi-la a um profissional que tem melhor conhecimento de mercado. Apesar do nome formal


O que é uma carteira administrada?

 

Uma carteira administrada é, de maneira extramente simplificada, uma forma que o investidor tem de "contratar" um especialista de mercado (o próprio administrador de carteira) para gerenciar o seu capital.

Pode-se até dizer que é uma terceirização, já que todo processo decisório é feito por esse profissional. A ideia é libertar o detentor do capital da necessidade de estudar e acompanhar o mercado financeiro, encontrando na carteira administrada uma gestão profissional. Isso, claro, não impede que o dono do dinheiro acompanhe e avalie tudo que é feito — algo que, inclusive, é mais do que recomendado.

Vale reforçar ainda que a carteira administrada não é um produto ou um ativo financeiro, mas um serviço prestado ao investidor. Você não investe em carteira administrada, mas escolhe esse serviço para que o dinheiro seja aplicado em determinados produtos (como fundos, títulos públicos, ações e outros tantos existentes).

Quais são as responsabilidades de um administrador de carteira?

A principal responsabilidade de um administrador de carteira é, obviamente, a gestão de capital do cliente que contratar o serviço.

É importante observar que não é qualquer pessoa que pode assumir esse cargo: é preciso ser autorizado pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Isso porque, ao confiar o capital a esse profissional, o investidor precisa da confiança total no procedimento.

Além disso, o administrador de carteira precisa cumprir algumas regras estabelecidas pela própria CVM. Entre elas estão o cumprimento de exigências técnicas para o cargo e a transparência sobre carteiras de administração (inclusive com prestação de contas), por exemplo. Como tudo que envolve o mercado financeiro, a fiscalização sobre esse trabalho é rigorosa.

Quais as vantagens de ter um administrador de carteira?

A grande vantagem de trabalhar com uma carteira administrada é a facilidade. O investidor não precisa se preocupar com praticamente nada em relação ao seu capital. A gestão é profissional e tomadas de decisão são feitas por conta do administrador de carteira.

O fato de trabalhar com investimentos dessa forma também é uma vantagem técnica. Ao menos em tese, esse profissional tem um amplo conhecimento de mercado e que, na maior parte das vezes, é melhor do que o do próprio investidor.

Além disso, essa é uma forma de uma pessoa contratar um gerenciamento personalizado para os seus objetivos financeiros. A tomada de decisão sobre os ativos que farão a composição da carteira dependerão diretamente desse tipo de informação, cabendo ao administrador mantê-lo devidamente informado sobre os resultados.

Por fim, tudo isso é feito com uma rigorosa fiscalização da CVM. Isso implica em um serviço seguro e transparente.

Quais as desvantagens de ter um administrador de carteira?

O principal problema desse formato é o custo. Além de arcar com todas as taxas que já fazem parte do mercado financeiro (como os impostos, por exemplo), o uso de uma carteira administrada traz um valor a mais que o investidor precisa arcar.

Geralmente, a taxa cobrada é percentual em relação ao que o cliente contratante possui como patrimônio — algo que é positivo na medida em que faz com que o administrador de carteira queira obter os melhores resultados. Se o cliente ganha mais dinheiro, ele ganha também.

Em menor nível, há também a sensação de que o dinheiro está "preso" na medida em que a movimentação e escolha dos ativos não é do dono do capital, mas do administrador. No entanto, ao menos geralmente, a busca por esse profissional é justamente para não ter esse tipo de preocupação.

 

Avalie esse texto e nos ajude a melhorar cada vez mais.

Nos ajude a melhorar o conteúdo desse texto! Envie um complemento ou correção por aqui para deixar esse conteúdo ainda melhor. Seu nome pode ser citado como revisor desse conteúdo com a sua permissão! ;)

Envie sua sugestão


Conheça também os termos relacionados