Economia

Um levantamento feito entre 29 de setembro e 4 de outubro pela Associação Brasileira de Shopping Centers (ABRASCE) projeta um crescimento de 18% nas vendas nos shoppings centers neste Dia das Crianças, celebrado em 12 de outubro, frente ao volume registrado em 2020. A estimativa é que a data deve movimentar cerca de R$ 4,4 bilhões no setor.

dia das crianças
Foto: Reprodução

Embora as expectativas dos shoppings sejam melhores do que as registradas no último ano, os lojistas ainda esperam um volume de vendas 13% menor do que o registrado em 2019. A ABRASCE afirma que o avanço da vacinação contra a covid-19 e a melhora no quadro pandêmico, resultando numa maior flexibilização das medidas restritivas de circulação, devem levar a uma alta de 25% no fluxo de pessoas nos centros comerciais.

De acordo com o levantamento, as projeções para o ticket médio gasto em compras também são melhores. As expectativas giram em torno de um valor de R$ 200, ante R$ 188 registrado em 2020, um salto de 6,4%.

Pela primeira vez desde o início da pandemia o canal de venda mais citado na pesquisa (61%) foi o marketplace (plataformas de compra online), seguida de delivery (60%) que se manteve entre os canais mais citados. A ABRASCE destaca, também, que há uma redução gradual do drive-thru - modalidade amplamente utilizada ao longo da pandemia.

A Associação comenta que o Dia das Crianças marca o início do planejamento de muitos varejistas para a Black Friday e as vendas de fim de ano, sobretudo no Natal. Dessa forma, o levantamento mostra que 36% dos lojistas esperam aumento na contratação de trabalhadores temporários, em relação a 2019, e 74% apostam na elevação sobre o contingente de 2020.

Com a concretização das expectativas do setor, haverá a admissão de cerca de 98 mil trabalhadores temporários nos próximos meses, alta de 10% no quadro de funcionários. O Natal representará a maior parcela destas contratações, atingindo 60% do total, explica a ABRASCE. Já a Black Friday deve responder por 40% das contratações de temporários previstas para o quarto trimestre de 2021.

Imagem do autor

Repórter na Mais Retorno

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Veja mais Ver mais