Logo Mais Retorno
carteira
post

Descubra a composição dos fundos com o ‘histórico de carteira’ da Mais Retorno; veja como usá-lo

Ferramenta permite acompanhar o portfólio dos fundos ao longo do tempo de forma simplificada

Data de publicação:21/11/2022 às 05:00 -
Atualizado 7 dias atrás
Compartilhe:

Uma das maiores curiosidades de um investidor que utiliza fundos de investimentos na sua estratégia é, sem dúvida, saber onde o seu capital está alocado. Essa é, afinal, uma das mais comuns desvantagens quando analisamos os prós e contras de cada classe de ativos do mercado financeiro. Mas novos recursos da Mais Retorno, como o 'histórico de carteira', poderão facilitar essa tarefa.

Como os gestores têm a opção de ocultar a sua carteira por questões estratégicas, muitas vezes o investidor fica cego sobre o que está sendo feito com o seu dinheiro. Apesar disso, a proteção é válida na medida em que a abertura precoce pode prejudicar o investimento, em especial quando a posição do fundo está em processo de montagem.

histórico de carteira
Foto: Reprodução

Se não há como driblar a restrição de acesso de uma carteira (geralmente de três meses), em nossa ferramenta de análise de ativos será possível acompanhar a composição do portfólio de um fundo de investimento ao longo do tempo de forma simplificada.

Por que é importante saber o histórico de carteira de um fundo?

Em fundos de investimentos especializados, talvez o recurso de histórico de carteira não seja tão atrativo. Fundos de ações, por exemplo, são obrigados a ter ao menos 67% (dois terços do patrimônio) do valor no mercado acionário. Dessa forma, é claro que a maioria deles está nessa classe de ativos por lei.

No entanto, o recurso é extremamente útil em categorias mais abrangentes, em especial pensando nos fundos multimercado — aqueles que possuem FIM em sua nomenclatura. Como eles podem trabalhar com diferentes classes de ativos dentro do mercado financeiro, a composição pode se alterar com frequência.

A análise do histórico de um fundo de investimentos também é importante para entender se o perfil do time de gestão se alterou ou não ao longo do tempo. Se um gestor entregou ótimos resultados no passado com ações, mas hoje tem uma pequena exposição a esse setor, você não deve esperar o mesmo tipo de rentabilidade no presente em consequência dessa mudança.

Há também, infelizmente, alguns casos de gestoras que lançam fundos com posições bem agressivas e, depois de obter bons resultados, mudam o perfil para que ele se mantenha ativo ao longo do tempo. Analisar o histórico de carteira vai te ajudar a identificar esse tipo de investimento e fugir de algumas furadas.

Por fim, mas extremamente fundamental, esse tipo de avaliação permite que você tenha a certeza de que um determinado fundo de investimentos está alinhado com a sua estratégia ou com o seu perfil de investidor. Vamos então conferir como você pode ter esse tipo de informação no nosso site.

Como encontrar o histórico de carteira de um fundo de investimentos?

Existem diversas formas de ver a carteira de um fundo de investimento, mas nenhuma é tão prática como usar a nossa ferramenta de comparação de ativos. E, como veremos ao longo dos próximos passos, essa é uma tarefa muito simples. Para começar, clique nesse último link para ser direcionado para a área de busca.

O próximo passo é começar a digitar o nome do seu fundo de investimentos. Para esse exercício, vamos considerar o Forpus Multiestratégia FIM LP (que, conforme a nomenclatura já indica, é um fundo multimercado). Veja na imagem abaixo como digitar "forpus" na barra de pesquisa já apresenta a opção desejada.

Agora, a nossa ferramenta vai te levar para a página oficial do ativo selecionado, com as informações mais importantes: dados do fundo, histórico de rentabilidade, Índice de Sharpe, volatilidade, entre outras. Note que, logo no início, já temos um resumo de informações básicas sobre o produto.

O que nos interessa hoje é conferir a carteira do fundo — algo que, se você já tentou via site da CVM (Comissão de Valores Mobiliários), sabe que se trata de algo pouco amigável. Na nossa ferramenta é bem simples: clique no menu de "carteira", que destacamos na imagem a seguir.

Neste momento, a sua tela vai direto para as informações do fundo Forpus Multiestratégia FIM LP (ou qualquer outro que você tenha selecionado). Aqui, no entanto, temos apenas um resumo da carteira de acordo com as classes de ativos.

Se esse for o seu objetivo, a informação está visível. Contudo, queremos saber mesmo qual é o histórico do gestor. Então clique em "visualize todos os ativos deste fundo" para ver os detalhes sobre o portfólio do Forpus Multiestratégia.

Analisando o histórico de carteira de um fundo na prática

Assim que clicar no botão da tela anterior, a ferramenta vai te direcionar para a página da carteira do fundo. Aqui, em primeiro lugar, você pode analisar os ativos individualmente. É só clicar na setinha de cada área para abrir a sua composição aprofundada. Lembre-se, contudo, que os meses mais recentes podem estar protegidos pelo gestor, ok?

Rolando a página até o final, encontramos a informação desejada: o histórico de carteira do fundo Forpus Multiestratégia. Ali onde destacamos com a setinha vermelha é possível alterar o tempo de análise de um a cinco anos ou simplesmente solicitar o histórico completo do portfólio.

Para que você possa entender como funciona, a ferramenta vai usar a proporção de soma 100% e distribuir os ativos conforme o peso. Um fundo que tem, por exemplo, R$ 4.000 em títulos públicos, R$ 3.000 em ações e R$ 3.000 em cotas de outros fundos terá esses ativos aparecendo em representação do total. Isto é, 40%, 30% e 30%, respectivamente.

E veja como é legal "brincar" com o tempo do fundo. Note que, ao longo dos últimos dois anos, o Forpus Multiestratégia teve uma boa variação das suas posições em títulos públicos. Ela estava próxima a 30% no final de 2020, mas foi se elevando a ponto de ultrapassar a casa de 60% no final de 2021.

Já em outubro de 2022, por outro lado, essa participação de títulos públicos na carteira do fundo se reduziu para 22,7%. Ou seja, podemos perceber que há uma gestão bem ativa, que pode aumentar ou diminuir as posições de acordo com as oportunidades. Neste caso, o valor migrou para cotas de outros fundos, que podem ser analisados na outra tela, abrindo a visualização dessa classe de ativos.

Viu como é simples analisar o histórico de carteira de um fundo de investimentos com a nossa ferramenta? Ela está disponível em nosso site para a consulta de mais de dez mil produtos do mercado financeiro. Aproveite para analisar os seus investimentos por lá!

Sobre o autor
Stéfano Bozza
Formado em Administração pela PUC-SP. Trabalhou em empresas do segmento financeiro (Itaú BBA) e varejo (BRMALLS) até 2016, quando iniciou a jornada de produção de conteúdo para a internet com foco em finanças.

Inscreva-se em nossa newsletter

,