Última modificação em 21 de outubro de 2020

O que é planejamento tático?

Planejamento tático é o tipo de planejamento, feito a nível intermediário da hierarquia de uma empresa, que busca otimizar os departamentos, por meio de metas de médio prazo. Essa programação é um desdobramento do planejamento estratégico, o que ocorre em um nível acima e envolve presidência e diretoria.

Michael Porter, um dos maiores teóricos da Administração, afirmou que uma empresa que não planeja corre o risco de ficar à deriva, levada pela força dos ventos gerados pela concorrência. Seguindo essa linha de pensamento, o planejamento tático é entendido como parte vital do crescimento e diferenciação de um negócio.

Como fazer um planejamento tático?

Chiavenato, outro grande consultor administrativo, em 1999, ilustrou alguns exemplos de planejamentos táticos:

Planos de produção

Relacionados ao arranjo físico, produtividade, instalações do empreendimento e eficiência das máquinas.

Planos de Marketing

São os requisitos para vender bens e serviços ao mercado a fim de atender os clientes.

Planos de Finanças

Se ocupam da captação de dinheiro para suportar as operações da empresa.

Planos de Recursos humanos

Associados ao recrutamento, seleção e treinamento de colaboradores.

Todos esses planos possuem etapas em comum.

A primeira é a de Averiguar. Com problemas já identificados, se faz a análise do impacto deles na empresa.

Na segunda etapa, a de Solucionar, os participantes do planejamento fazem um brainstorming para listar as melhores ideias.

A próxima etapa é a de Refletir. Devem ser respondidas todas as perguntas sobre as soluções e escolher as mais eficientes.

Por fim, a etapa final é a de Agir, na qual haverá cronogramas e prazos para serem seguidos.

E o que faz um planejamento ser considerado tático? Quais são as suas características?

O que são objetivos táticos?

Em tese, sempre que você termina de planejar algo você obtém objetivos. Assim, os objetivos táticos (ou departamentais) são estabelecidos para cada departamento da companhia, como resultado do planejamento tático.

Esses alvos são fundamentados no estudo dos elementos mais importantes — de cenário interno e externo — de todo o ambiente em que atuam as repartições, alinhados com as diretrizes e estratégias previamente criadas pelo plano estratégico da empresa. Inclusive, assim como ocorre no planejamento estratégico, todos os colaboradores devem conhecer esses objetivos táticos antes de serem consolidados.

A seguir, o administrador deverá gerar as metas para o alcance de cada objetivo. É desejável que elas cumpram o famoso acrônimo SMART (específicas, mensuráveis, alcançáveis, relevantes e dimensionáveis pelo tempo).

Na sequência, com as estratégias formuladas, segue-se para o planejamento dos recursos financeiros que envolverão os objetivos táticos. O orçamento, de uma maneira sincronizada, serve para prever a alocação das pessoas, materiais e recursos tocantes à execução das atividades propostas. Os passos seguintes, em um planejamento tático, são as próprias funções administrativas: organização tática e controle tático do plano.

Quais os benefícios desse tipo de planejamento?

Agora que você está ciente do que é o planejamento tático e quais os seus elementos, podemos concluir que ele também traz as seguintes vantagens:

Termo do dia

Tesouro Selic

O que é Tesouro Selic? Entre as aplicações disponíveis no Tesouro Direto, o Tesouro Selic é uma das opções indicadas para quem está começando a investir…