Última modificação em 4 de maio de 2021

O que é National Association of Realtors (NAR)?

National Association of Realtors (NAR) - ou Associação Nacional de Corretores de Imóveis, em Português - é considerada a maior organização comercial capaz de agrupar profissionais do setor imobiliário, como corretores, gerentes, conselheiros e avaliadores. Está sediada em Chicago, nos Estados Unidos.

Fundada em 1908, inicialmente era conhecida como National Association of Real Estate Exchanges (Associação Nacional de Trocas Imobiliárias). Após 64 anos, em 1972, a NAR ganhou o nome que conhecemos hoje. O logotipo "REALTORS®" foi adotado um ano mais tarde.

Já em 1975, a Associação foi considerada como a mais influente do mercado estadunidense, com cerca de 400.000 membros devidamente regulamentados. Dos anos 2000 para cá, o número de associados batia a margem de 1 milhão e os negócios tomavam proporções internacionais.

De acordo com as palavras da própria National Association of Realtors (NAR):

"Nossa missão é capacitar REALTORS® à medida que preservam, protegem e avançam o direito à propriedade para todos.

"Nossa visão é ser um aliado confiável, orientando nossos membros e aqueles a quem servem no cenário imobiliário em constante evolução."

Seu principal objetivo é reunir profissionais do setor imobiliário, integrar dados e informações que facilitem a execução das atividades, promover companhas e benefícios em prol dos associados, além de discutir questões econômicas e políticas de trabalho.

Como fazer parte da National Association of Realtors (NAR)?

Para fazer parte da NAR é preciso que o profissional tenha o Certified International Property Specialist (CIPS) - Certificado Internacional de Especialista em Propriedade. O curso é oferecido pela própria Associação, possui duração média de 40h e demanda taxa de inscrição.

Vale esclarecer que a National Association of Realtors não possui membros exclusivamente estadunidenses, embora esteja sediada em Chicago. Portanto, corretores de todos os países - inclusive do Brasil - podem realizar o curso para obtenção do CIPS.

Uma vez que esteja com o certificado em mãos, é preciso que o profissional faça parte de alguma associação imobiliária local (para cidadãos estadunidenses) ou de alguma associação de cooperação da NAR (para cidadãos estrangeiros).

Dessa forma será possível que corretores, gerentes, conselheiros e avaliadores imobiliários façam parte da National Association of Realtors. Vale esclarecer que os sócios devem pagar cotas anuais e taxas de renovação para serem membros efetivos da Associação.

"REALTORS® são líderes comunitários informados e engajados, impulsionando o desenvolvimento econômico, acessibilidade e design comunitário inovador."

"A colaboração entre organizações imobiliárias residenciais e comerciais - incluindo institutos, sociedades e conselhos afiliados à NAR - fortalece nosso valor para a indústria e a comunidade."

Qual é o impacto da National Association of Realtors (NAR) na economia dos Estados Unidos?

A National Association of Realtors possui impacto indireto na economia americana, causado por campanhas nacionais e certos programas de pesquisas, como as Existing Home Sales.

Os dados sobre Existing Home Sales são levantados mensalmente pela NAR e contabilizados pelo US Census Bureau, agência federal dos Estados Unidos que conduz pesquisas de censo nacional - similar ao Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aqui do Brasil.

A maioria dos imóveis existentes disponíveis para venda são de caráter residencial, como casas, apartamentos em condomínios fechados e espaços cooperativos, onde pessoas colaboram mensalmente para que unidades habitacionais possam ser mantidas.

O controle das Existing Home Sales permite ao US Census Bureau ter informações sobre a população dos Estados Unidos no âmbito habitacional e, consequente, permite que os recursos federais sejam alocados conforme as necessidade de cada bairro, município e Estado.

Termo do dia

Blindagem Patrimonial

Toda pessoa que reúne um patrimônio significativo precisa descobrir formas de protegê-lo, ou seja, de fazer a blindagem patrimonial. Saiba mais!