LTL – Less than truckload

Última modificação em 30 de Agosto de 2021 às 06:33

O que é LTL?

LTL, Less than TruckLoad ou, ainda, Carga Fracionada, em logística de transportes, é a situação em que a carga a ser despachada não ocupa a capacidade total do caminhão em que ela é transportada. 

Esse serviço é especialmente relevante quando a empresa, em vez de esperar o estoque do atacadista acabar, já opta por enviar o produto — em menores quantidades, portanto.

Assim, ela também economiza por não precisar contratar um caminhão cheio, e com a logística mais complexa, para reabastecer um cliente que zerou os produtos. 

Quais as vantagens e as desvantagens do LTL? 

A principal aplicação do LTL ocorre quando uma loja tem diversos contratantes, possui diferentes destinos para um mesmo caminhão e as condições dos produtos são parecidas. Exemplo: uma loja que trabalha apenas com pijamas, entregando para todo o Brasil.

Conheça os demais benefícios do LTL:

  • atende as necessidades de empresas que trabalham com pequenos volumes de mercadoria;
  • tem um melhor custo-benefício;
  • menor tempo de transporte;
  • dispensa paradas ou manejo de carga, diminuindo danos e perdas.

Por outro lado, o Less than TruckLoad também gera algumas desvantagens, tais como:

  • impossibilidade de compartilhar o transporte com terceiros;
  • o tempo para o caminhão dar partida pode demorar, pois, para que a operação seja financeiramente viável, exige-se um número mínimo de produtos.

O Aeroporto Internacional de Viracopos-Campinas, para ilustrar, criou um serviço, em 2021, que está alinhado ao LTL.

O projeto, chamado Viracopos Cargo - Serviços Logísticos LTL serve para os clientes que queiram retirar poucos volumes do aeroporto, já que o espaço do caminhão é dividido com outros.

LTL e FTL ou TL: principais diferenças

Na mesma lógica, temos o FTL ou TL, isto é, o Full Truckload ou Truckload, no qual o cliente tem um caminhão inteiro à disposição. 

O FTL é mais usado em situações particulares, com mercadorias delicadas e que precisam de cuidados extras, como um e-commerce de vinhos. Normalmente, um caminhão Less than TruckLoad não passa por armazéns para reabastecer, opera lacrado para que a carga não seja manuseada durante o transporte rodoviário etc.

Qual a importância do modelo de logística LTL para o Brasil?

A produção de caminhões, no Brasil, cresce cada vez mais, sobretudo a categoria dos pesados, e as encomendas são primordialmente do agronegócio. 

Além disso, 65% da produção agropecuária também é transportada pelas rodovias, o que gera, como desafios mais relevantes, as condições dos veículos e o armazenamento das cargas.

Porém, historicamente, a infraestrutura de transportes brasileira dependia totalmente de investimentos públicos — até a década de 90. Só depois disso, com o aumento da dívida externa, o Governo decidiu atrair investidores do setor privado.

A propósito, a região brasileira que mais sofre com deficiência da infraestrutura de transporte é a líder de produção: Centro-Oeste. 

Logo, além da variedade de nuances de produtos que temos no agro e na pecuária, isso reforça como as empresas precisam se atentar para utilizar as modalidades mais eficientes. 

Se você investe em companhias ou fundos desse setor, tente acompanhar as decisões que elas realizam em relação à logística dos seus produtos. 

Alguns exemplos de empresas do setor são Brasilagro (AGRO3), Pomifrutas (FRTA3) e Biosev (BSEV3). 

Já em relação aos fundos, ainda não existem tantos, mas já é possível investir no Riza Terrax, um fundo híbrido, no Fundo de Investimento Imobiliário BTG Pactual Agro Logística, (BTAL11) e BTG Pactual Terras Agrícolas (BTRA11).

No exterior, por outro lado, em vez do agro, acontece o que se chama de “Efeito Amazon”. 

A big tech entrega tanto produtos relativamente complexos, como eletrodomésticos, como pequenos itens — uma unidade de creme dental, por exemplo. Mas ela entrega ambas as categorias de forma ágil, independente de ser na modalidade LTL ou FTL, ou o que eleva bastante o nível de competitividade entre os concorrentes. 
 

Glossário de Finanças e Investimentos

Pesquise a(s) palavra(s) navegando pelo alfabeto abaixo