Última modificação em 5 de abril de 2021

O que é Growth Investing?

O Growth Investing é um estilo de investimento que, basicamente, se concentra no aumento de capital do investidor. Normalmente, os investidores mais novatos tendem a preferir esse tipo de negócio, já que essa estratégia foca em empresas pequenas ou ainda jovens nas quais os ganhos podem aumentar a uma taxa acima da média quando comparadas com o mercado geral ou, ainda, o seu setor da indústria.

Além disso, o Growth Investing também se torna muito atraente para diversos investidores pelo motivo de que a compra das ações de empresas que são emergentes pode proporcionar retornos muito impressionantes caso elas venham a ser bem-sucedidas. Esses negócios, no entanto, não foram testados — o que costuma ser um risco bastante alto a se pagar.

Como o Growth Investing funciona?

Os investidores interessados em Growth Investing geralmente procuram investimentos em indústrias de rápida expansão, em que novos serviços e novas tecnologias são desenvolvidas. A partir daí, buscam o lucro por meio da valorização do capital, ou seja, dos ganhos que poderão obter ao vender as ações — ao contrário dos dividendos, que recebem enquanto ainda as têm.

Na verdade, o que mais acontece é que a maioria das empresas que trabalham por ações de crescimento reinvestem seus lucros no negócio ao invés de pagar os dividendos aos seus acionistas. Elas tendem a ser, como dito anteriormente, jovens, pequenas ou ainda as que começaram a negociar publicamente e contam com um excelente potencial.

A ideia é que a empresa prospere e, a partir daí, se expanda. Esse crescimento nas receitas e nos ganhos, então, acabará se traduzindo como preços mais altos das ações no futuro. Uma ação com Growth Investing pode, portanto, ser negociada a uma alta relação de preço/lucro (P/L). Pode acontecer que cada uma delas apresente um ganho no presente, mas o esperado é que ele apareça no futuro.

Quais são os desafios do Growth Investing?

Um dos maiores desafios do Growth Investing é pagar caro demais pela ação ou deixar as expectativas de retorno muito elevadas. Isso porque, como o mercado sempre tenta prever o futuro de alguma forma, as ações com potencial de crescimento elevado podem apresentar múltiplos mais altos — e, quanto maior eles forem, maior será a expectativa de resultados futuros.

Outro desafio — que pode ser encarado até como uma desvantagem — é escolher a estratégia de crescimento errada. Por esse motivo, é importante sempre atentar-se à companhia de crescimento escolhida para o investimento e investigar quais são os tipos de aquisições que ela faz e o motivo por trás de cada uma delas.

Resistir à tentação de operar também pode ser considerado como um dos desafios do Growth Investing. Isso pode acontecer porque, como as ações de crescimento tendem a ser bem mais voláteis que a média, os investidores podem ser levados a acreditar que quanto mais girarem a carteira, mais retornos superiores alcançarão.

Quais são as diferenças entre Growth Investing e Value Investing?

De uma forma bem simples, o Growth Investing defende que o investidor dê preferência para as empresas que estão sendo negociadas a preços superiores ao seu valor intrínseco. Já o foco do Value Investing é encontrar excelentes negócios que apresentem preços mais “promocionais”.

Outra grande diferença entre as metodologias é que no Value Investing, o investidor vai em busca de grandes empresas com P/L baixo, entre outros fatores menos decisivos. Por outro lado, o Growth Investing sempre dará preferência para os negócios menores que apresentem um P/L mais elevado.

É preciso, então, tomar bastante cuidado no momento de escolher a melhor metodologia. Isos porque é necessário levar em consideração o risco de a projeção não se confirmar, o que leva o investidor a cometer o erro de comprar uma ação justamente no seu pico. Por isso, o uso do Growth Investing dever ser analisado com muita cautela e de forma individual para cada caso.

Termo do dia

Stock Picking

Stock picking consiste na técnica de adquirir ações de empresas que se valorizarão acima da média do mercado. Entenda!