termos

FGV – Fundação Getulio Vargas

Autor:Equipe Mais Retorno
Data de publicação:02/06/2021 às 01:44 - Atualizado 5 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

O que é a FGV?

Você muito provavelmente já ouviu a sigla FGV em algum momento certo? Ela representa a Fundação Getulio Vargas, uma das mais renomadas instituições do Brasil para assuntos relacionados ao mercado financeiro.

A Fundação Getulio Vargas foi fundada em 20 de dezembro do ano de 1944. Na oportunidade, ela nasceu como uma faculdade tradicional focada em cursos administrativos. A ideia estava em capacitar profissionais para a gestão pública e privada no Brasil, algo que ela faz até os dias atuais. Além da área da Administração, a FGV é muito forte em Economia.

Esses são apenas os cursos mais renomados da instituição. Há também formações em Ciências Sociais, além de áreas mais técnicas como Ciências Contábeis. Ao longo do texto, vamos explicar um pouco mais sobre os cursos da entidade.

Quais são as funções da FGV?

Embora seja amplamente conhecida e respeitada como uma instituição de ensino, a Fundação Getulio Vargas atingiu um patamar muito superior a ser apenas uma faculdade.

Mais do que um simples ambiente de educação, a FGV é um importante centro de pesquisa que contribui diretamente com o crescimento e o desenvolvimento do Brasil. Além disso, compartilha muita informação com as empresas brasileiras, ajudando no monitoramento do mercado do empreendedorismo.

Há também uma atuação juntamente às empresas do setor privado na seleção de colaboradores, algo que ocorre por meio de provas e concursos. A oferta de pós-graduação e MBA é outro ponto importante, geralmente por meio de parcerias com as próprias companhias que custeiam as aulas para cargos estratégicos.

Por fim, não podemos nos esquecer que a FGV ainda é responsável pelo cálculo e pela atualização de diversos índices econômicos relevantes para o Brasil, em especial no segmento de inflação. É o caso dos seguintes indicadores:

Como entrar na FGV?

Se você deseja ingressar na FGV para obter um certificado de conclusão de curso que permita a evolução no mercado de trabalho, o caminho é similar a outras faculdades privadas do Brasil.

Periodicamente, a Fundação Getulio Vargas abre novas turmas para os seus cursos. Quando isso acontece, as inscrições são abertas e os candidatos devem realizar o seu vestibular, que é uma prova para comprovação de conhecimento básico. Uma vez aprovado, o aluno pode se matricular.

Importante mencionar que, embora seja uma referência em termos de educação, a FGV é uma instituição privada. Isso significa que há uma mensalidade cobrada dos alunos, ao contrário do que acontece em universidades públicas — como a USP (Universidade de São Paulo) ou a Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), por exemplo.

Quais são os cursos oferecidos pela FGV?

Mencionamos ao longo do artigo a força e a relevância de uma certificação de conclusão de curso da Fundação Getulio Vargas para áreas relacionadas ao mercado financeiro. Abaixo, listamos alguns dos cursos de graduação que são oferecidos pela FGV:

  • Administração de Empresas;
  • Administração Pública;
  • Ciência de Dados;
  • Ciências Sociais;
  • Direito;
  • Economia;
  • Matemática Aplicada;
  • Relações Internacionais.

Importante mencionar que a FGV possui unidades em diferentes geografias do Brasil, marcando presença em praças como São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. Nem todos os cursos acima mencionados estão disponíveis nas três regiões, de modo que você deve consultar o site oficial da Fundação Getulio Vargas.

Ademais, essa lista contempla apenas as oportunidades de graduação oferecidas pela instituição. Existe uma variedade muito extensa de treinamentos avançados para pós-gradução, MBA, mestrado e doutorado, por exemplo.

De qualquer forma, para quem tem condição de assumir o custo de uma formação na FGV, esse pode ser um enorme diferencial no mercado de trabalho brasileiro. A instituição, afinal, é exemplo de qualidade e conteúdo técnico.

Sobre o autor
Equipe Mais RetornoA Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!
Nome Sujo (na praça)

Nome Sujo (na praça)

O que significa ter Nome Sujo na Praça? As pessoas que estão com o “nome sujo na praça” não são boas pagadoras e estão devendo nas...

  CONTINUAR LENDO