Última modificação em 1 de março de 2021

O que é ETTJ IPCA?

ETTJ IPCA é a sigla que designa a Estrutura Temporal de Taxas de Juros de títulos de renda fixa que são indexadas ao IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo).

Sendo assim, o ETTJ IPCA é uma representação gráfica que nos apresenta a evolução temporal das taxas de juros pagas por títulos indexados a esse índice.

Vale ressaltar, antes de prosseguirmos com as explicações, que embora os títulos indexados à inflação possam ser considerados como prefixados, a curva apresentada pelo gráfico aqui citado é diferente da curva ETTJ PRE.

Essa última é específica para os títulos cuja taxa de juros não está relacionada às alterações de índices, mas de um valor fixado previamente e que não mudará.

Além disso, é importante afirmar também que em se tratando do conceito de ETTJ em si, o gráfico nos apresenta uma expectativa para a taxa de juros dos títulos de forma geral, ao passo que as demais curvas tratam de investimentos específicos.

O gráfico do ETTJ IPCA é atualizado diariamente pela ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais) e representa o desempenho das taxas de juros de acordo com as diversas datas de vencimento dos títulos.

Como interpretar a curva de ETTJ IPCA?

Para interpretar esse gráfico precisamos, primeiramente, entender quais são as variáveis que o compõem.

No eixo vertical do gráfico, temos a variável da taxa de juros. Já no eixo horizontal, observamos o tempo, que pode estar representado em meses ou anos, indicando as datas de vencimento dos títulos.

A curva formada na maioria dos gráficos de ETTJ IPCA é crescente, ainda que o crescimento não seja indicado por uma retilínea.

E isso é assim porque em uma economia saudável espera-se que no futuro haja condições melhores do que no presente, levando os investidores a exigirem juros maiores sobre seu investimento esperando que a economia cresça.

Tal comportamento é considerado o padrão, uma vez que os investidores só aplicam seu capital porque há a expectativa de que a economia se desenvolva melhor no futuro.

Portanto, uma curva de ETTJ IPCA ascendente é um bom sinal, pois indica esperanças positivas. Há situações, contudo, nas quais observamos uma tendência inversa no comportamento do gráfico: ao invés de uma curva de ascensão, observamos uma de queda.

Isso significa, como você deve presumir, um mau sinal para a economia.

Quando os investidores esperam receber juros maiores por períodos menores de aplicação, isso indica que eles não acreditam em um futuro de crescimento econômico e, portanto, temem o risco de investimentos no longo prazo.

Assim, a desconfiança na estabilidade econômica é representada por uma curva invertida de ETTJ IPCA e é um sinal de alerta.

Por que o ETTJ IPCA é importante?

Como mostramos anteriormente, a curva ETTJ IPCA demonstra o que pode-se esperar de investimentos de renda fixa indexados à inflação para o curto, médio e longo prazo.

Isso é de extrema relevância para quem investe ou pretende investir em renda fixa, pois permite que o investidor tenha a visão de qual rendimento pode esperar de sua aplicação.

Além disso, o fato de a curva do ETTJ IPCA ser crescente ou decrescente também é importante para indicar o quão saudável está a economia de acordo com o mercado. Como foi mostrado anteriormente, curvas invertidas podem acender um sinal de alerta.

Porém, é importante ressaltar que esse gráfico é um gráfico dinâmico, já que é atualizado diariamente pela ANBIMA.

Desse modo, não é suficiente que o investidor conheça o ETTJ IPCA e saiba interpretar o seu comportamento, ele deve também acompanhar as mudanças diárias apresentadas nele.

Termo do dia

ISE – Índice de Sustentabilidade Empresarial

O que é ISE? O ISE – sigla correspondente a “Índice de Sustentabilidade Empresarial” – é um recurso utilizado para mensurar qual o nível de sustentabilidade que as…