Employee Lifetime Value

Última modificação em 30 de Julho de 2021 às 05:27

O que é Employee Lifetime Value?

Employee Lifetime Value (ELTV) significa, do inglês, algo como “Valor do Tempo de Vida do Funcionário”. É um indicador que mede o retorno financeiro que um colaborador pode gerar no seu tempo de contratação. 

Embora essa medida seja própria da gestão de Recursos Humanos de uma empresa, ela tem impacto diretamente sobre o setor financeiro, uma vez que ela estuda o quanto de receita um profissional pode gerar para a organização.

Como calcular o Employee Lifetime Value?

A fórmula é bastante simples, veja:

ELTV = retorno por colaborador x tempo de permanência na empresa 

Assim, imagine uma empresa que deseja ter como ELTV o valor de R$ 50 mil, no mês de setembro, para cada colaborador.

Mas determinado profissional tem gerado R$ 5 mil de receita, com 8 meses de contrato na companhia. Esses dados geram um ELTV de R$ 40 mil, isto é, abaixo do esperado.

Usualmente, o valor do ELTV pode ser ilustrado por um gráfico com 4 importantes pontos:

Início

Começa com um ELTV negativo, pelos gastos com a contratação, onboarding, entre outros. 

Mas o novo colaborador começa a produzir e o ELTV chega a ficar neutro para, depois, se tornar positivo. 

Contribuição total

Quando o funcionário está totalmente ambientado e exerce suas tarefas plenamente, contribuindo com os resultados esperados. 

A lucratividade é máxima, nesta fase e, mais a frente, atinge um platô. Vale a pena inserir ações de engajamento para que o ELTV volte a crescer.

Decisão de saída

Ocorre quando o colaborador recebe uma proposta de outra empresa ou deseja abrir seu negócio e comunica a decisão de saída.

Ao saber que em breve irá sair, geralmente, o funcionário passa a ter uma motivação menor e produzir menos, baixando seu ELTV.  

Saída 

É o período oficial do desligamento do colaborador, levando o ELTV a zero.

Como otimizar o Employee Lifetime Value?

Agora que você já mapeou o cálculo e as fases do ELTV de um funcionário, saiba quais são as principais dicas para melhorar esse indicador:

  • reduzir o tempo de rampa dos novos funcionários (início), contando com a ajuda de outros colaboradores para que se ele se ambiente rapidamente e consuma menos recursos;
  • aumentar a contribuição total, melhorando processos, aumentando a eficiência e efetivando práticas de produtividade entre os profissionais;
  • prolongar o tempo de permanência do funcionário na empresa, evitando sua saída, com um bom plano de carreira e escuta ativa quanto às expectativas na companhia.

Qual a importância do Employee Lifetime Value?

Em resumo, estes são os benefícios de calcular o ELTV:

Avalia o desempenho dos colaboradores

Acompanhar entregas, prazos e assiduidade é importante, mas não é o suficiente para uma boa gestão de pessoas. 

Ao traçar todas as fases para cada indivíduo, você pode pôr na ponta do lápis o que foi gasto para a sua contratação e, assim, saber o que esperar do faturamento que ele deve gerar. 

Direciona os investimentos

Medir a performance individual de cada colaborador também torna mais fácil saber quanto e como investir em cada um. 

O contrário também é válido. No caso do nosso exemplo, ficou claro que o colaborador em questão deve se empenhar para gerar R$ 10 mil a mais de vendas ou deverá, de alguma forma, custar R$ 10 mil a menos para manter o ELTV esperado. 

Contribui com o engajamento dos funcionários 

O ELTV também esclarece quanto ao onboarding e à fase de platô das equipes. 

Nesses dois momentos, é interessante que o Employee Lifetime Value apresente o quão alto deve ser o engajamento dos funcionários, a fim de reduzir despesas com excesso de treinamentos e mapear as melhores estratégias, que, de fato, elevam seu comprometimento com a empresa.

Deixe seu email e receba conteúdos antes de todo mundo.100.000 investidores já fizeram isso!

Glossário de Finanças e Investimentos

Pesquise a(s) palavra(s) navegando pelo alfabeto abaixo