Última modificação em 29 de março de 2021

O que é Cherry Picking?

Originada no Inglês, a expressão Cherry Picking é um sinônimo para o que usamos no Português para "escolher a dedo". Trata-se, geralmente, de uma seleção minuciosa, levando em consideração diversos fatores e critérios técnicos.

Essa técnica pode ser empregada a diversos segmentos da vida cotidiana. Pode ser assim que você compra uma roupa, escolhe o almoço que vai pedir no seu delivery ou então usado por uma empresa e recrutamento na escolha de um novo colaborador.

No universo das finanças, contudo, o significado não é tão positivo. O uso do Cherry Picking é muito associado no mercado de ações para pequenos investidores que resolvem seguir recomendações de oportunidades dentro da Bolsa de Valores.

Como funciona o Cherry Picking?

A escolha seletiva de algo no mercado financeiro precisa considerar alguns critérios técnicos. De um modo geral, ela é muito utilizada por analistas fundamentalistas, por meio da análise de empresas que parecem mais confiáveis e prósperas para o longo prazo.

No entanto, como sabemos, fazer uma análise criteriosa de ações não é uma tarefa simples. É preciso observar demonstrativos financeiros, conversar com a gestão da empresa e até mesmo criar cenários de crescimento para o futuro.

Diante do tamanho do desafio, muitos pequenos investidores optam por buscar um caminho mais fácil. Isto é, esperar recomendações de amigos e de empresas especialistas (como as próprias corretoras) e, posteriormente, comprar os ativos que ele mais gostar.

O processo de Cherry Picking, portanto, tem uma relação muito mais próxima com "seguir recomendações" do que realizar um filtro individual em busca das melhores oportunidades.

Quais são as vantagens da prática do Cherry Picking?

Para o pequeno investidor, há uma vantagem de realizar o Cherry Picking que consiste na praticidade. Uma vez que ele não queira realizar suas análises, é muito mais confortável aguardar as recomendações do mercado financeiro e segui-las.

Ao aplicar algum tipo de filtro nessas dicas gerais do mercado, a chance de ser lucrativo até aumenta um pouco. Afinal, hoje em dia muitas empresas realmente oferecem esse trabalho gratuito, em especial as corretoras de valores.

Existem também inúmeros especialistas de finanças que, periodicamente, compartilham alguma opinião sobre um ativo específico e, com base no racional, o investidor individual pode seguir essa "dica" no mercado financeiro, praticando o Cherry Picking sem qualquer custo adicional.

Quais são as desvantagens da prática do Cherry Picking?

Se por um lado o pequeno investidor tem grande facilidade em participar do mercado financeiro seguindo as recomendações de outros analistas, a prática do Cherry Picking também traz inúmeros problemas.

A começar pela análise superficial. O investidor apenas segue uma recomendação de terceiros, sem ponderar sequer se aquele ativo tem relação com os seus objetivos financeiros ou ao menos ponderar os riscos daquela operação.

Outro ponto negativo com relação direta a esse cenário é não saber o que fazer em segundo momento. Depois da ação valorizar ou desvalorizar, qual é a hora de vender? Sem ter um preço alvo ou um stop loss definido, o investidor acaba muitas vezes exposto à sorte.

Por fim, o Cherry Picking também não estabelece parâmetros para montagem de uma carteira ou mesmo a correlação entre os ativos. Desta forma, ao seguir recomendações aleatoriamente, esse investidor pode ter uma carteira demasiadamente exposta a um segmento específico e, portanto, elevando o risco do seu capital.

Por todo esse cenário que apresentamos, o ideal é que o investidor evite utilizar do Cherry Picking nos seus investimentos, optando por análises mais aprofundadas. Se isso não for do seu interesse, uma alternativa é partir para os fundos de investimentos, onde ele contará com uma equipe técnica e especializada para a seleção dos ativos.

Termo do dia

Rebranding

O que é Rebranding? O rebranding corresponde a um processo de renovação, onde uma marca passa por transformações a fim de se adequar a um novo…