termos

Banco de varejo

Autor:Equipe Mais Retorno
Data de publicação:04/08/2021 às 14:50 - Atualizado 6 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

O que é banco de varejo?

O banco de varejo, também conhecido como personal banking, é uma instituição que fornece serviços financeiros a pessoas físicas ao invés de empresas. É considerado como uma forma dos consumidores individuais administrarem seu dinheiro, além de ser a oportunidade de conseguirem ter acesso a crédito e a fazer depósitos de maneira segura.

Os serviços oferecidos por bancos de varejo incluem contas poupança e corrente, empréstimos pessoais, cartões de crédito, hipotecas e financiamentos, entre muitos outros.

A maioria dos consumidores utiliza serviços bancários de agências locais que fornecem atendimento no local para todas as suas necessidades bancárias.

Como um banco de varejo funciona?

Mesmo que um cliente possa não utilizar todos os serviços oferecidos pelo banco de varejo, o serviço principal desse tipo de instituição é uma conta — seja ela poupança ou corrente — para depositar dinheiro. Essa é uma maneira bastante comum e segura de pessoas administrarem suas finanças.

Além disso, também é possível que ganhem juros sobre o dinheiro dentro da conta. As contas oferecem um cartão de débito para facilitar o pagamento de bens e serviços e para facilitar a retirada de fundos quando for necessário.

Os bancos de varejo são uma importante fonte de crédito para pessoas físicas. Isso porque eles oferecem aos consumidores a quantia necessária para compras em grande escala — como carros e casas. Essa extensão geralmente é assumida na forma de cartões de crédito, empréstimos e financiamentos.

Quais serviços estão sendo expandidos em bancos de varejo?

Para fornecer uma maior gama de serviços para seus clientes, os bancos de varejo estão aumentando as suas ofertas de produtos. Além de contas básicas e atendimento ao cliente por meio de representantes em agências locais, essas instituições também estão adicionando equipes de consultores financeiros com ofertas de produtos ampliadas com serviços de investimento, como planejamento de aposentadoria, banco privado, contas de corretagem e até gestão de patrimônio.

Atualmente, um movimento em direção ao Internet Banking também expandiu — e muito — as ofertas para os clientes do banco de varejo. Agora, vários deles oferecem serviços online tanto por meio de navegadores web quanto por aplicativos móveis próprios. Isso, por si só, é considerado um grande avanço porque limita o número de vezes que um cliente precisa ir a uma agência para fazer negócios.

Além dos bancos tradicionais que passaram a oferecer seus serviços online, muitas fintechs surgiram e conseguiram seu espaço no mercado ao oferecer serviços semelhantes com mais facilidade — e, muitas vezes a preços melhores. Isso só é possível porque não precisam arcar com as muitas despesas de agências bancárias tradicionais e isso pode ser repassado ao cliente com redução de taxas, por exemplo.

Quais são as diferenças entre o banco de varejo e o banco de atacado?

A maior diferença entre esses dois tipos de banco é que, enquanto o de varejo oferece seus serviços para pessoas físicas do público em geral, o de atacado tem como foco principal as pessoas jurídicas e as grandes empresas.

Além disso, o escopo de tudo o que é oferecido também é diferente: o primeiro é voltado para o cliente e as suas necessidades e o segundo para o negócio de forma geral.

O valor financeiro das transações é expressivamente maior no banco de atacado quando comparado ao de varejo.

A fonte de lucro também é diferente nas duas versões. Isso porque a diferença entre a margem de juros dos credores e dos devedores é a principal fonte de lucro do banco de varejo ao passo em que a fonte de lucro do banco de atacado são as taxas cobradas sobre os serviços prestados e os juros.

Além disso, uma grande diferença entre o banco de varejo e o de atacado é que o segundo também conta com braços de bancos de investimento. Sendo assim, conseguem oferecer serviços relacionados aos seus clientes corporativos, como subscritores de títulos e gestão de ativos.

Sobre o autor
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!
Mais sobre
Flávio Augusto da Silva

Flávio Augusto da Silva

Quem é Flávio Augusto da Silva? Flávio Augusto da Silva é o fundador de uma das maiores redes de ensino do Brasil, a Wise Up. Além disso,...

  CONTINUAR LENDO