Logo Mais Retorno
termos

Alavancagem

Autor:Equipe Mais Retorno
Data de publicação:24/01/2019 às 17:34 -
Atualizado 2 anos atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

O que é Alavancagem?

Alavancagem é um termo utilizado no mercado financeiro para nomear operações que utilizam recursos sem estarem cobertas, ou seja, é uma forma de movimentar valores financeiros maiores que o saldo que o investidor detém.

Portanto, o investidor terá que contar com alguma garantia para executar determinada operação alavancada.

Porém, por ser alavancada, a operação pode oferecer ganhos muito acima da média, bem como perdas que podem facilmente reduzir a zero as suas garantias.

Saiba ainda mais sobre esse tema através do nosso quadro Descomplica:

Como funciona Alavancagem?

O funcionamento da alavancagem as vezes pode ser simples, e outras horas, um tanto quanto complexo.

Basicamente, quando opera alavancado no mercado de capitais, você está investido uma pequena quantidade de recursos com o intuito de ganhar mais dinheiro do que poderia (com aquela quantidade). Porém, as eventuais perdas que poderiam vir a ocorrer, nesta operação, podem provocar a perda total do valor investido.

Para simplificar, imagine o seguinte exemplo: em uma operação alavancada você poderia investir R$ 100,00 para conseguir se posicionar em algo avaliado em R$ 10.000,00.

Supondo que houvesse um ganho de 1% sobre esses R$ 10.000,00, você receberia R$ 100,00.

Logo, ao entrar na operação colocando como garantia R$ 100,00, você teria dobrado o valor aplicado (ganhando mais R$ 100,00).

No entanto, se o contrário ocorresse e você tivesse que reconhecer uma perda de 1% sobre a posição de R$ 10.000,00, teria perdido os R$ 100,00 de garantia, ficando com um saldo final igual a zero.

Para que serve Alavancagem?

A Alavancagem pode servir para incrementar os rendimentos da carteira do investidor. Nem todos os ativos disponíveis no mercado financeiro trabalham com alavancagem, somente alguns.

Dentre os ativos que possuem essas características, temos;

  • Opções
  • Contratos futuro
  • Mercado a Termo
  • Por meio dos derivativos, o investidor consegue construir uma operação altamente rentável e com alto risco.

Porém, se o investidor compreender bem o ativo, além de ter certa responsabilidade, é possível constituir operações estruturadas e estratégicas de forma interessante, reduzindo os riscos da mesma, sem perder a possibilidade de conseguir alcançar um anho elevado.

Porque Alavancagem?

Construir operações com alavancagem pode ser interessante, porque podem alcançar elevados ganhos com pouco dinheiro, especialmente se envolverem um risco limitado (ao valor da aplicação).

Existem diversas formas de investir de forma alavancada como através das opções, do mercado a termo e do futuro.

Através desses investimentos, o investidor pode deixar um valor de garantia (que seria uma fração do valor total da operação, da posição do investidor).

Desse modo, quando houver lucros, diariamente os valores referentes ao ganho vão cair em sua conta e se houver prejuízos, diariamente parte de sua garantia será descontada de sua conta.

Portanto, podemos concluir que a alavancagem pode ser utilizada para aumentar a rentabilidade da carteira, mas deve ser utilizada com bastante cuidado e responsabilidade.

Sobre o autor
Autor da Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!