Economia

A Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (ABRAINC) soltou um posicionamento após o Comitê de Política Monetária (Copom) elevar a Selic, taxa básica de juros, de 3,5% para 4,25% ao ano. Na nota, a ABRAINC afirma que mesmo com a elevação, as taxas de crédito seguem em patamares baixos.

fundos imobiliários abrainc
Taxa de crédito segue baixa no setor imobiliário, diz ABRAINC

Dessa forma, a Associação acredita que o setor imobiliário continua atrativo tanto para aqueles que querem adquirir um imóvel, quanto para os interessados em investimentos no setor.

A nota ainda diz que as estimativas da ABRAINC para a recuperação do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro são boas. Com a confirmação dessas expectativas, os diversos setores econômicos tendem a se fortalecer, o que é positivo para o crescimento do país em níveis de renda e emprego, beneficiando o setor imobiliário.

O presidente da Associação, Luiz França, finaliza dizendo que "o ambiente de negócios continua propício, com grande atratividade para investimentos em imóveis em comparação com as aplicações financeiras tradicionais".

Imagem do autor

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Economia
Mercado Financeiro
Mercado Financeiro
Mercado Financeiro
Veja mais Ver mais