Logo Mais Retorno
Empresa

Receita da Barry Callebaut sobe 2,1% nos primeiros 9 meses do ano fiscal

A fabricante suíça de chocolates Barry Callebaut registrou um volume de vendas 3,4% maior, com 1,622 milhão de toneladas

Data de publicação:15/07/2021 às 19:26 -
Atualizado 10 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

A fabricante suíça de chocolates Barry Callebaut obteve receita de 5,35 bilhões de francos suíços (US$ 5,83 bilhões) nos nove primeiros meses do ano fiscal 2020/21, período encerrado em 31 de maio, informou a companhia nesta quinta-feira.

O resultado representa aumento de 2,1% ante igual período do ano fiscal anterior, quando a companhia faturou 5,24 bilhões de francos suíços (1 franco suíço = US$ 1,09).

Barry Callebaut

Em termos ajustados, houve alta de 7,7% na mesma comparação. O volume de vendas aumentou 3,4%, para 1,622 milhão de toneladas. "No terceiro trimestre, registramos um crescimento acelerado de volume e com um forte desempenho do chocolate, ultrapassamos o volume pré-covid19", afirmou o CEO da companhia, Antoine de Saint-Affrique, no comunicado divulgado para imprensa e investidores.

No negócio de chocolate, o volume de vendas avançou 21,2% no terceiro trimestre e puxou o desempenho da empresa, disse a companhia em comunicado.

O volume totalizou 1,109 milhão de toneladas nos nove primeiros meses do ano fiscal 20/21, alta de 4,4%. O crescimento, segundo a empresa, foi sustentado por todas as regiões.

Já as vendas de produtos de cacau diminuíram 4,3% nos primeiros nove meses do ano fiscal, para 327.891 toneladas. No terceiro trimestre do ano fiscal, contudo, o volume de vendas aumentou 8,4%.

Já as vendas de produtos gourmet e especiais avançaram 13,1%, para 185.135 toneladas. / Agência Estado

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!