Logo Mais Retorno
malan
post

Malan diz ter expectativa de que governo Lula adote condução ‘responsável’; PEC pode ser apresentado hoje

Ex-ministro disse que é prematuro fazer uma avaliação da PEC de Transição

Data de publicação:23/11/2022 às 14:31 -
Atualizado 6 dias atrás
Compartilhe:

O ex-ministro da Fazenda Pedro Malan comentou nesta quarta-feira, 23, com jornalistas que tem expectativa de que o governo do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) adote uma condução "responsável" da economia, assim como se esperava no segundo turno das eleições presidenciais.

"Ficou muito claro que decidimos (Malan e outros economistas) votar no segundo turno (no então candidato Lula) na expectativa de uma condução responsável da economia. Essa é a minha expectativa", afirmou Malan aos profissionais da imprensa no 17º Seminário Internacional da Associação Nacional das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Siac).

Malan
Fachada do Ministério da economia na Esplanada dos Ministérios | Foto: Reprodução

Questionado sobre sua avaliação em relação à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da Transição, proposta pela equipe de transição do presidente eleito, Malan disse apenas que "está avançando" e que "é prematuro fazer avaliação".

Malan ainda afirmou que é preciso encontrar uma maneira de lidar com a inconsistência entre o Banco Central, "que está comprometido a fazer o que for necessário para a inflação voltar a níveis sustentáveis a curto prazo", e o governo, "sujeito a demandas naturais e legítimas".

Em fala no seminário, o ex-ministro ressaltou que as demandas enfrentadas pelo governo são resultado de carências sociais e mazelas do País, decorrentes da falta de investimento no passado na área de educação e formação de pessoas.

PEC pode ser apresentada hoje

O senador Wellington Dias (PT-PI) disse que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da transição pode ser apresentada ainda nesta quarta-feira, 23. "Há necessidade de entendimento entre Câmara e Senado. Eles ficaram de fazer uma nova reunião juntos. Espero que, de preferência, apresentem ainda hoje. Quanto mais cedo melhor. Há possibilidade de apresentar ainda hoje", afirmou Dias a jornalistas após a reunião com o conselho político ampliado da transição.

Segundo ele, novas agendas entre Câmara e Senado devem ser feitas ainda no início da tarde desta quarta-feira.

Dias afirmou que a proposta que está sendo discutida prevê R$ 175 bilhões para suprir Bolsa Família fora do teto de gastos.

O prazo discutido para apresentação da PEC, segundo ele, é de vigência por quatro anos. / Agência Estado

Leia mais:

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!

Inscreva-se em nossa newsletter

,