Empresa

GM atinge lucro líquido de US$ 2,98 bi no 1º trimestre

A General Motors (GM) teve lucro líquido de US$ 2,98 bilhões no primeiro trimestre de 2021, equivalente a US$ 2,03 por ação, segundo balanço divulgado nesta…

Data de publicação:05/05/2021 às 01:23 - Atualizado 6 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

A General Motors (GM) teve lucro líquido de US$ 2,98 bilhões no primeiro trimestre de 2021, equivalente a US$ 2,03 por ação, segundo balanço divulgado nesta quarta-feira, 5.

O resultado foi múltiplas vezes maior do que o ganho de US$ 247 milhões (US$ 0,17 por ação) da montadora americana em igual período do ano passado. Com ajustes, o lucro por ação entre janeiro e março foi de US$ 2,25, bem acima da previsão de analistas consultados pela FactSet, de US$ 1,05.

Foto: GM/Divulgação
Apresentação da tecnologia para veículos elétricos da GM - Foto: GM/Divulgação

Às 8h50 (de Brasília), a ação da GM saltava 3,2% nos negócios do pré-mercado em Nova York.

Já a receita da GM somou US$ 32,5 bilhões no primeiro trimestre, bem semelhante aos US$ 32,7 bilhões de um ano antes e abaixo do consenso da FactSet, de US$ 33 bilhões.

Para 2021, a GM prevê lucro ajustado por ação de US$ 4,50 a US$ 5,25. Neste caso, a projeção da FactSet era US$ 5,29.

Segundo a diretora-executiva da GM, Mary Barra, os fortes resultados demonstraram a força dos negócios da GM na América do Norte, China e também do braço financeiro da companhia.

A velocidade e agilidade da equipe da companhia, de acordo com a diretora, ajudou a gerenciar a escassez de semicondutores.

“Este continua sendo um período desafiador para a empresa à medida que emergimos de 2020, mas a equipe continua a demonstrar sua capacidade de gerenciar situações complexas”, reforça.

Veículos elétricos

Segundo Barra em carta divulgada junto com o balanço, a montadora está apostando fortemente no mercado de veículos elétricos.

“Continuamos a executar nossa estratégia e progredimos significativamente em nossa transição para um futuro totalmente elétrico com as oportunidades de crescimento que isso cria”, ressalta.

A intenção da companhia é preparar as fábricas de montagem para construir veículos elétricos e expandir sua capacidade de produção de células de bateria, em busca da liderança desse mercado nos Estados Unidos.

“Lideraremos a indústria na comercialização segura de tecnologia de direção autônoma. E trabalharemos com nossos revendedores para criar experiências surpreendentes e encantadoras para nossos clientes”, enfatiza a diretora-presidente. / com Agência Estado

Sobre o autor
Julia Zillig
Julia ZilligRepórter do Portal Mais Retorno.
Balança Corrente

Balança Corrente

O que é Balança Corrente? A Balança Corrente é uma das contas da contabilidade nacional formada pela soma de outras três balanças, que são: Balança Comercial;...

  CONTINUAR LENDO