Logo Mais Retorno
inflação
Outros

Focus: Inflação para 2022 fica abaixo de 6% pela primeira vez desde março

Nova projeção reflete queda nos preços de energia e gasolina

Data de publicação:26/09/2022 às 11:39 -
Atualizado 2 meses atrás
Compartilhe:

Os economistas consultados pelo Banco Central no último relatório Focus, projetam que a inflação deve recuar neste ano, agora abaixo de 6%, enquanto a atividade econômica deve se manter alta. A expectativa do mercado para o IPCA, índice oficial de inflação, caiu de 6,00% para 5,88%, em 2022, refletindo a queda nos preços de energia e gasolina após as medidas do governo.

É a 13º vez que o BC diminui as expectativas para a inflação, e a primeira vez, desde março, que a estimativa para o IPCA foi inferior a 6% para 2022. Já para o próximo ano, a expectativa do para o índice passou de 5,01% para 5,00%.

Selic
Embora projeção seja de queda, inflação deve superar a meta - Focus | Foto: Reprodução

Apesar de projeções mais baixas, inflação ainda ultrapassa meta do BC

Apesar da melhora considerável nas últimas semanas, as medianas divulgadas na Focus continuam a apontar para três anos consecutivos de estouro da meta. No ano de 2021, o IPCA fechou em 10,06%. O alvo para 2022 é de 3,50%, com tolerância superior de até 5,00%, enquanto, para 2023, a meta é de 3,25%, com banda até 4,75%.

No Copom da semana passada, o BC atualizou as projeções para a inflação com estimativas de 5,8% em 2022, 4,6% em 2023 e 2,8% para 2024. A equipe interrompeu o ciclo de aperto monetário após 12 altas consecutivas na taxa básica de juros.

Projeções para a atividade econômica, dólar e juros

Em relação às estimativas para o Produto Interno Bruto (PIB), o avanço foi de 2,65% para 2,67%, em 2022. Para 2023, os economistas mantiveram a projeção estável, em 0,50%. Para o câmbio, o relatório Focus manteve a projeção em R$5,20 para este e o próximo ano.

O Banco Central manteve a expectativa da Selic em 13,75% para 2022, enquanto para o próximo ano permaneceu em 11,25%.

Sobre o autor
Mari Galvão
Repórter de economia na Mais Retorno

Inscreva-se em nossa newsletter