Logo Mais Retorno
Empresa

CSN aumentará preços em 12,5% em 1º de abril

No dia 15, a companhia aplica um novo ajuste de 7,5%

Data de publicação:16/03/2022 às 01:44 -
Atualizado 2 meses atrás
Compartilhe:
  • Facebook
  • Linkedin
  • Twitter Mais Retorno
  • Telegram Mais Retorno
  • WhatsApp Mais Retorno
  • Email Mais Retorno

A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) anunciou nesta terça-feira, 15, aos seus clientes que vai aumentar os preços do aço no mês que vem. Serão dois reajustes, o primeiro de 12,5% a partir de 1º de abril, e um outro no dia 15, de 7,5%. Os reajustes valem para os laminados a quente, laminados a frio, zincado e aços longos.

CSN
Foto: Reprodução

O diretor executivo comercial da CSN, Luis Fernando Barbosa Martinez, disse que a companhia está repassando o aumento de custos com o carvão, que disparou nos últimos meses. Em dezembro, o carvão era cotado a US$ 320 a tonelada, e agora já está entre US$ 650 a US$ 700 a tonelada.

Apesar do carvão ser a principal causa do aumento dos custos, o minério também contribui, segundo Martinez. O preço do minério de ferro negociado em Qingdao, na China, fechou hoje (15 de março) cotado a US$ 136,19 a tonelada.

No mês passado, a CSN já havia comunicado aos clientes do mercado de distribuição de aços planos que estava elevando seus preços com a retirada de parte dos descontos concedidos no último bimestre de 2021.

Números da CSN

A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) registrou lucro líquido de R$ 1,061 bilhão no quarto trimestre de 2021, queda de 73% na comparação com o mesmo período do ano anterior. Em relação ao terceiro trimestre, houve perda de 20%, segundo dados divulgados no balanço da companhia aos acionistas na noite anterior.

No ano, no entanto, o lucro líquido atingiu R$ 13,596 bilhões, um avanço de 217% em relação a 2020. O resultado foi reflexo, segundo a companhia, do forte desempenho operacional, além do ganho na oferta pública de ações da CSN Mineração e das vendas de parte das ações da Usiminas.

A queda em relação ao trimestre anterior é explicada no balanço em razão do menor resultado operacional que acabou por compensar as menores despesas

Sobre o autor
Mais Retorno
A Mais Retorno é um portal completo sobre o mercado financeiro, com notícias diárias sobre tudo o que acontece na economia, nos investimentos e no mundo. Além de produzir colunas semanais, termos sobre o mercado e disponibilizar uma ferramenta exclusiva sobre os fundos de investimentos, com mais de 35 mil opções é possível realizar analises detalhadas através de índices, indicadores, rentabilidade histórica, composição do fundo, quantidade de cotistas e muito mais!